Fórum do Búfalo

Versão Completa: Abordagem de mulheres no exterior
Esta é uma versão reduzida do nosso conteúdo. Ver versão completa com o formato adequado.
Páginas: 1 2 3 4
Olá senhores,

Estou morando na Holanda e estou tentando me aproximar das mulheres nativas. Elas tem fama de ser as mais bonitas da Europa (o que confirmo) e já ouvi falar que pra sair com uma holandesa demora mais ou menos um mês de conversa.
Comecei a flertar com uma atendente de supermercado, e depois de algum tempo de olhares e sorrisos, acabei deixando um bilhete pra ela com mais ou menos isso escrito:
Oi moça bonita, Te achei interessante, gostaria de te conhecer, e pedi que enviasse msg pro meu cel.
Não recebi resposta. O que me sugerem? Tentar de novo, continuar flertando e entregando mais bilhetes ou ir lá é ignorar totalmente?
E mais, o que poderia ter feito pra me aproximar dela de maneira diferente? Só pensei no bilhete.
Quem já tentou algo com estrangeiras aí conseguiu?
Vc já errou facepalm:

Esse negócio de mandar bilhetinho, pedir facebook, MSN... é furada...


Agora volte imediatamente lá e a chame para sair. Se ela disser não, foda-se, faça o certo com a próxima mulher. Se ela enrolar, tente mais uma vez em outro dia (só mais 1 vez). Se ela disser que sim, coma!


E nunca mais mande bilhetinho #ficaaporradadica!
Você está com a aconcepção totalmente errada das mulheres dai.
Um mês de conversa para sair com uma holandesa!!

Bote uma coisa na sua cabeça. Você está em um dos países mais sexualmente liberais do mundo.
Você sinceramente acha que uma mulher que vive em um lugar assim é tímida?
Você acha que tem que ficar mandando bilhetinhos, telefonando, e chavecando por um mês esse tipo de mulher?
Essa tua abordagem de bilhetinho funcionava aqui no Brasil? Provavelmente não. Então porque você acha que vai funcionar na Holanda?

Já ouviu falar de "Friendzone"?
Pois ai, uma conversa indefinida um pouco mais longa já te joga exatamente nessa posição.
Mulheres desses países ultraliberais costumam chegar descaradamente nos caras que elas acham interessantes para ela. Um dos motivos é que os homens dai normalmente não tem iniciativa (pegada).

Conselho:
Deixe de ser o "bom garoto" e trabalhe o teu marketing pessoal.
Você é Brasileiro, latino. Use isso para construir a sua imagem de homem exótico e sexualmente viril. Porque eu sei que esse tipo de homem está em falta por essas bandas.

Chegue e fale que gostou dela e quer sair com ela. Diga que você é um brasileiro recém chegado e que quer conhecer uma garota exótica como ela (indiretamente você está insinuando que é você o exótico). Seja o mais direto possível, sem rodeios.
Passe a imagem de amante latino. Ela pode gostar ou não. Caso negativo, pule para outra que pense diferente.

P.S. Quem foi o gênio que te disse que as holandesas eram mais difíceis?
Pessoal vocês não entenderam que a minha única interação com ela é enquanto a mesma está passando os produtos no caixa. Só sei onde ela trabalha e a hora, uma vez que é a mesma hora que faço minhas compras. Ela realmente pareceu ser receptiva por isso tentei. Achei melhor usar o bilhete pois muitas atendentes do caixa aqui tem um inglês ruim, então traduzi o bilhete em holandês. Ela de cara reconheceu, sorriu e guardou. Minha cara de pau vai até certo ponto, não dá pra dar em cima da mulher enquanto ela tá trabalhando com todo mundo olhando.

Apesar de ser tudo liberado aqui, essas mulheres fáceis encantadas por latinos são lenda. Tanto que até agora os casais que conheci sempre eram formados por uma mulher brasileira e um homem holandês. O contrário não vi ainda.

Resumindo o bilhete foi a alternativa q arrumei pra ser discreto.
Mas aí que tá! Não seja discreto. Falo isso por experiência própria. Ela vai gostar mais de vc se vc for direto.

Ela deu risadinha, se mostrou receptiva!? Porra, volte lá e cobre a resposta do seu bilhetinho doido, na frente de todos. Seje politicamente incorreto!


Ontem fui pegar um ônibus para São Paulo. Na fila, na minha frente, tinha uma loirinha gostosa com aquelas calças lycra (suplex, sei lá...). Fiquei olhando para a bundinha dela e, quando ela olhou para mim, cruzei os braços e encarei mesmo.

Depois ela se sentou num banco de espera. Sentei do lado dela, pedi uma caneta para anotar uns negócios na minha passagem e falei: "bem que poderia aproveitar a sua caneta para anotar seu telefone!"

Pimba!!! Estou com o telefone dela e, quando ela voltar para minha cidade, passarei a mão naquela bundinha linda dela!!!

Aposto que essa holandesasinha está esperando uma atitude cara-de-pau sua. Não demore.
Eis a reação de alguma mulher da europa após eu dizer pra elas que sou um latin lover:

[Imagem: Fuck+That+Guy.jpg]
Se eu morasse na Holanda eu já iria direto pro Red Light Disctrict mesmo e fazia a festa por lá. Mais simples e direto.
Esse tópico do HR é um SOKO na cara de nego que manda bilhetinho pra mulher, achando que ela é diferente das brasileiras.:
http://forum.homensrealistas.info/viewto...=14&t=3574

mulher é tudo igual caralho. PAREM de achar que elas são diferentes só por causa do país onde moram. Natureza é igual em TODO LUGAR, assim como 1+1=2 até na LUA.
Citar:Apesar de ser tudo liberado aqui, essas mulheres fáceis encantadas por latinos são lenda. Tanto que até agora os casais que conheci sempre eram formados por uma mulher brasileira e um homem holandês. O contrário não vi ainda.

E não vai ver mesmo.

Vou repetir:
Deixe de querer ser o "bom garoto".

Essas são as mulheres mais utilitaristas da face da Terra.
Você é latino, isso quer dizer que você é um duro sem dinheiro ou pespectiva de crescimento (essa é a visão delas).
Você não é material de casamento.
Porém, você tem a fama de ser dominador na cama (coisa que os locais não são).

Então por favor, pare de tentar bancar o "carinha legal bom partido".
Você não vai conseguir absolutamente nada com isso.
Bote na sua cabeça que você é "o cara errado" com quem elas gostam de se divertir e ponto.
Enterre bem fundo esses sonhos românticos idiotas de se imaginar com uma garota andando na rua de mãos dadas, cineminha, e dia dos namorados. Isso não vai rolar com elas. O que vai rolar é sexo sem compromisso.
Diga que você é turista e que quer exatamente isso, sexo selvagem para curtir e amanhã ir embora.
Por favor, não mande bilhetinhos.

Essas mulheres não são como as brasileiras. Elas não temem ficarem mal faladas no bairro. Elas não se preocupam em construir uma imagem de boa moça. Não existe essa cultura por lá porque não há conseguências socio-culturais se uma mulher tem uma vida sexual ativa.
Elas sabem que quando quiserem, sempre aparece um holandês mangina para assumi-la independente de "milhagem" da máquina.
Enquanto isso, elas se divertem com os "errados".

Então, aceite esse fato. Pare de agir com as mulheres como se elas fossem brasileiras.
Mulheres mudam absurdamente dependendo do meio onde se encontram. Então o jogo também muda.

Se você estivesse na Arábia Saudita, você trataria as mulheres de lá como se fossem brasileiras?

Então, adapte-se.
Porra, o cara vai ao país dos Red Light District e fica perdendo tempo escrevendo bilhetinhos pra atendente de supermercado q ñ quer nada com vc. facepalm: Se ela ñ quer nada, ñ insista, ela ñ é a única mulher da Holanda. É mta babaquice ficar insistindo com uma mulher q ñ quer nada com vc num lugar onde há outras maneiras bem mais fáceis de se dar bem. Aproveite o Red Light District antes q o governo holandês proiba (se vc vive na Holanda deve saber q a repressão aí tá pegando). Por isso aproveite antes q a diversão acabe.
(23-04-2012, 10:12 PM)Smith Escreveu: [ -> ]Esse tópico do HR é um SOKO na cara de nego que manda bilhetinho pra mulher, achando que ela é diferente das brasileiras.:
http://forum.homensrealistas.info/viewto...=14&t=3574

mulher é tudo igual caralho. PAREM de achar que elas são diferentes só por causa do país onde moram. Natureza é igual em TODO LUGAR, assim como 1+1=2 até na LUA.

Pq vc ñ copia e cola o texto do HR e coloca em forma de
Citar:"citação"
?
Em primeiro lugar, é preciso estar registrado no HR, em segundo lugar, mesmo registrado, se é novato ainda ñ poderá acessar o texto, pois ñ tem aceso ao Fórum principal. Então, se quer ajudar o rapaz, coloque o texto, nem que seja em forma de citação.
Como dizia a teoria darwinista, quem não se adapta morre.

Acho q o cara vai "morrer" se não se adaptar. yaoming
É uma mudança cultural muito drástica. Creio que o cara vai demorar um pouco a se adptar à nova realidade. E se ele não tiver características de latin lover (pele ligeiramente morena, corpo sarado, etc), o bicho vai pegar para ele por lá.
(23-04-2012, 11:39 PM)Navarre Escreveu: [ -> ]
Citar:Apesar de ser tudo liberado aqui, essas mulheres fáceis encantadas por latinos são lenda. Tanto que até agora os casais que conheci sempre eram formados por uma mulher brasileira e um homem holandês. O contrário não vi ainda.

E não vai ver mesmo.

Vou repetir:
Deixe de querer ser o "bom garoto".

Essas são as mulheres mais utilitaristas da face da Terra.
Você é latino, isso quer dizer que você é um duro sem dinheiro ou pespectiva de crescimento (essa é a visão delas).
Você não é material de casamento.
Porém, você tem a fama de ser dominador na cama (coisa que os locais não são).

Então por favor, pare de tentar bancar o "carinha legal bom partido".
Você não vai conseguir absolutamente nada com isso.
Bote na sua cabeça que você é "o cara errado" com quem elas gostam de se divertir e ponto.
Enterre bem fundo esses sonhos românticos idiotas de se imaginar com uma garota andando na rua de mãos dadas, cineminha, e dia dos namorados. Isso não vai rolar com elas. O que vai rolar é sexo sem compromisso.
Diga que você é turista e que quer exatamente isso, sexo selvagem para curtir e amanhã ir embora.
Por favor, não mande bilhetinhos.

Essas mulheres não são como as brasileiras. Elas não temem ficarem mal faladas no bairro. Elas não se preocupam em construir uma imagem de boa moça. Não existe essa cultura por lá porque não há conseguências socio-culturais se uma mulher tem uma vida sexual ativa.
Elas sabem que quando quiserem, sempre aparece um holandês mangina para assumi-la independente de "milhagem" da máquina.
Enquanto isso, elas se divertem com os "errados".

Então, aceite esse fato. Pare de agir com as mulheres como se elas fossem brasileiras.
Mulheres mudam absurdamente dependendo do meio onde se encontram. Então o jogo também muda.

Se você estivesse na Arábia Saudita, você trataria as mulheres de lá como se fossem brasileiras?

Então, adapte-se.

Acho que aqui já está totalmente respondido. Realmente essas mulheres estão pouco se fodendo para a reputação, e quando elas querem uma aventura não negam, porém se você demonstrar que quer um compromisso sério pode desistir da ideia, pois como já foi dito seria um rebaixamento para uma mulher atraente europeia casar-se ou namorar um latino, e todos sabemos que mulheres são hipergâmicas, seja aqui, na Holanda ou na China, portanto vá pra cima, se der errado, foda-se o que não falta na Holanda é puteiro com mulheres de pernas abertas esperando para que você esvazie o saco.

(21-04-2012, 08:23 PM)Goku Spartacusfield Escreveu: [ -> ]Pessoal vocês não entenderam que a minha única interação com ela é enquanto a mesma está passando os produtos no caixa.
E quem disse que vc tem que esperar se encontrar com ela de novo? Vá até ela e a chame pra sair! Porra!
(21-04-2012, 08:23 PM)Goku Spartacusfield Escreveu: [ -> ]Achei melhor usar o bilhete pois muitas atendentes do caixa aqui tem um inglês ruim, então traduzi o bilhete em holandês. Ela de cara reconheceu, sorriu e guardou.
Legal, agora use a liguagem universal do toque e do chamego. Puxe qualquer assunto enquanto vai tocando nela. Se ela ameaçar cu doce, ignore e continue. Lembre-se, você está no comando...
(21-04-2012, 08:23 PM)Goku Spartacusfield Escreveu: [ -> ]Minha cara de pau vai até certo ponto, não dá pra dar em cima da mulher enquanto ela tá trabalhando com todo mundo olhando.
Esqueceu o que eu disse no 1º quote?
(21-04-2012, 08:23 PM)Goku Spartacusfield Escreveu: [ -> ]Apesar de ser tudo liberado aqui, essas mulheres fáceis encantadas por latinos são lenda. Tanto que até agora os casais que conheci sempre eram formados por uma mulher brasileira e um homem holandês. O contrário não vi ainda.
Se vc quer a holandesa, NADA DISSO AQUI INTERESSA.
(21-04-2012, 08:23 PM)Goku Spartacusfield Escreveu: [ -> ]Resumindo o bilhete foi a alternativa q arrumei pra ser discreto.
Ao invés de dizer "Estou louco por você, pq você é super sexy e eu quero te beijar e mais um pouco"? facepalm:

Obrigado pelas respostas pessoal.

Apesar de ter esteriótipo de amante latino foda, meu jeito de bom moço não me deixa mentir.
Perguntei uns holandeses aqui, e eles me disseram q normalmente as mulheres resistem a ficar com estranhos (não é comum ir pra balada e ficar com alguém lá), e são mais receptivas quando você já conhece elas.

Acho q não consigo vender a imagem de cafajeste como foi sugerido. Da próxima vez q for lá vou continuar encarando pra ver o q acontece.

Sobre o red light district, não sei se conseguiria fazer o serviço com uma mulher desconhecida em 15 min, com medo de DST na cabeça.
(24-04-2012, 04:58 PM)Goku Spartacusfield Escreveu: [ -> ]Obrigado pelas respostas pessoal.

Apesar de ter esteriótipo de amante latino foda, meu jeito de bom moço não me deixa mentir.
Perguntei uns holandeses aqui, e eles me disseram q normalmente as mulheres resistem a ficar com estranhos (não é comum ir pra balada e ficar com alguém lá), e são mais receptivas quando você já conhece elas.

Acho q não consigo vender a imagem de cafajeste como foi sugerido. Da próxima vez q for lá vou continuar encarando pra ver o q acontece.

Sobre o red light district, não sei se conseguiria fazer o serviço com uma mulher desconhecida em 15 min, com medo de DST na cabeça.

Putz, pelo visto o cara ñ leu nada do Nessahan Alita. Nada, nenhuma página.

Cara, se vc tem medo de ir ao Red Light District com medo de DST (mais um pensamento matrixiano, hj em dia, se vc transar com qqr mulher sem preservativo, vc tá phodido), e quer tentar as periguetes holandesas, então faça corretamente. Primeiro, vc já começou errando ao ficar escrevendo bilhetinho (pra lhe ajudar, bem q o Smith poderia colar o texto do HR aqui, já q msm registrado lá vc ñ teria acesso); segundo, como disse o Barão:
Citar: Como dizia a teoria darwinista, quem não se adapta morre.
ou seja, se vc ñ agir como um "cafa" e continuar sendo "legal", vc ñ vai pegar ninguém, o máximo q conseguirá será só mais uma amiga. É o q vc quer? Terceiro, ja deu pra notar q esta mulher ñ quer nada com vc, então ñ insista.

Eu ñ tenho paciência pra estas coisas, então se eu estivesse na Holanda, iria pro Red Light District até pra aproveitar antes as austoridades holanesas acabem com a festa.
(24-04-2012, 04:58 PM)Goku Spartacusfield Escreveu: [ -> ]E eles me disseram q normalmente as mulheres resistem a ficar com estranhos (não é comum ir pra balada e ficar com alguém lá), e são mais receptivas quando você já conhece elas.

Acho q não consigo vender a imagem de cafajeste como foi sugerido. Da próxima vez q for lá vou continuar encarando pra ver o q acontece.
1) Vocês dois JÁ se conhecem;
2) Não encare, CONVERSE. É conversando que você vai criar chances com QUALQUER mulher que você cruze na vida.

Você precisa entender o item 2 para se dar bem com mulheres. Converse com ela como se fosse como qualquer outro cara, mas procure criar intimidade procurando conduzir a conversa mais pro lado pessoal.

Ok Spirit vou tentar conversar alguma banalidade com ela. Um problema que tenho tmb é q muitas vezes minha conversa começa a caminhar pro friend zone. Lembrando rapidamente todas as mulheres brasileiras que já consegui, uma hora de conversa no máximo foi suficiente. Em geral quando começo a conversar muito com mulheres(principalmente aquelas que vejo todos os dias) a coisa sempre descamba pro friend zone. Você tem alguma dica pra balancear isso?
Pra não cair na friendzone, você tem que buscar sempre estar o mais próximo possível dela. Fale nos olhos dela, toque nela. Em qualquer ponto da conversa você elogiar a beleza dela, mas procurando mostrar como a beleza dela te faz sentir por dentro. Ela tem que saber que o que você quer é um encontro romântico.

Isso é difícil pra algumas pessoas, pode ser difícil pra você também. Mas tente. Você não precisa definir tudo em um só dia, ou uma só declaração.

Se sentir que precisa ainda de mais ajuda, passe por aqui:
http://www.manhood101.com/
Páginas: 1 2 3 4