Fórum do Búfalo

Versão Completa: A Real e a criação de filhos
Esta é uma versão reduzida do nosso conteúdo. Ver versão completa com o formato adequado.
Páginas: 1 2 3

Destro

Você conhece a Real e tem um filho

Este é meu grande questionamento hoje ,eu sou pai de um garoto( 7 para oito anos ) e fico imaginando como passar tais conhecimentos para ele ,neste mundo misândrico e desonrado é de suma importância criar um filho bem ,não só para ele mesmo como para a vida .Eu converso muito com ele tento passar lições boas a ele ,primeiro é a fé em deus pois na minha família isso é um fator importante ,eu quero que meu filho seja um homem de fé ,quando ele tiver adulto e quizer seguir a cabeça dele será da responsabilidade dele .Em relação a real eu passarei a ele os conhecimentos por mim aprendidos em relação a isto também .Porque passarei os conhecimentos da real a meu filho ? Primeiro porque a real visa o crescimento pessoal ,um pai sempredeve visar o crescimento pessoal do filho incentiva-lo a desenvolver em todos os sentido ,fisico ,espiritual ,social etc .Uma criança deve começar desde cedo a ter valores essenciais e crecer para ser um homem honrado .
A REAL é um prato cheio para isto , vejam por exemplo a REAL tem uma postura negativa em relação ao relativismo e é um valor que eu passo a ele ,não relativar os valoreS essenciais ,a verdade é a verdade a mentira é a mentira .

E como todos sabemos como a REAL é muito mais ampla do que questão de mulheres eu mando umas reais a ele sobre a vida de como sempre dar o melhor de si e de como nunca desistir dos objetivos .Em relação a questão da mulheres ,quando ele tiver idade passar a ele a verdade que as mulheres são seres comuns e não são criaturas especiais pela qual ele deve passar a viver em função ,mas que por terem características diferentes ,o homem tem que agir com postura ,autoridade ..Fico imaginando meu filho que agora é uma criança(7 para 8) e daqui a um tempo com 13 anos já sabendo todo o conhecimento da Real ,conseguem imaginar os senhores se aos 13 anos soubessem sobre NA e a Real ?Como suas vidas seriam diferentes ?

Muitos dos senhores são mais jovens e não tiveram esta oportunidade de ter filhos ,eu os digo que é gratificante ,apesar de toda a merda que muitas da vezes pode acontecer em um relação a dois eu digo que o fato de você ter um filho o seu descendente neste mundo ,te muda como ser humano e para melhor .Eu respeito todos os confrades que dizem não querer ter filhos cada um é cada um ,mas se você é um confrade que pensa em te-los ,eu o digo vá em frente ! Mas esteja preparado se realmente quizer ,procure uma mulher que tenha a mesma intenção que você ( não é mulher exceção mas uma mulher que tenha o mesmo objetivo que você,é difícil e sei rsrs ) Uma mulher que queira construir uma vida a dois e tenha como você o desejo de constituir uma família ( digo isto para os que querem )o meu erro foi este ,eu não estava preparado na época mas o senhores tem hoje a oportunidade que a minha geração não teve : A Real ,os confrades ,a nossa comunidade .Hoje você tem vasta informação na minha época não . Vocês mais novos estão diante de uma oportunidade única que os homens da minha geração não tiveram agarrem com todas as suas forças estes conhecimentos .

Conclusão :Uma nova Geração Honrada
Muito se discute sobre o masculinismo e o ativismo da Real a nível de movimento ,eu penso confrades que é algo não impossível mas por demais complicado ,eu acredito que nós podemos fazer a diferença colocando o conhecimento da REAL nas novas gerações mas nunca nesta geração o sistema é mangina ,só uma nova geração de homens crescidos dentro da Real pode fazer realmente a diferença e só os filhos dos Guerreiros da real que nasceram tendo uma criação sadia e honrada podem fazer isto é exatamente por isto que em relação a meu filho o mais importante para mim é que tais conhecimentos façam dele um homem honrado ,que não cometas os mesmos erros que eu ,que possa crescer sendo um um homem de valor .Que a Real possibilite a ele chegar ao máximo de seu desenvolvimento ,que ele consiga passar por este mundo dando a sua contribuição .Toda a loucura e a perda de sentido que a minha geração teve ,que seja superado e volte a imperar nesta nova geração ,a honra e os valores do homem ,nossos filhos que serão a próxima geração da REAL é que realmente podem fazer a diferença uma geração ,não contaminada pelo manginismo ,uma geração criada por Guerreiros da Real ,uma geração honrada .

Desculpem os grotescos erros de português
(25-11-2012, 11:02 PM)Destro Escreveu: [ -> ]E como todos sabemos como a REAL é muito mais ampla do que questão de mulheres eu mando umas reais a ele sobre a vida de como sempre dar o melhor de si e de como nunca desistir dos objetivos .Em relação a questão da mulheres ,quando ele tiver idade passar a ele a verdade que as mulheres são seres comuns e não são criaturas especiais pela qual ele deve passar a viver em função ,mas que por terem características diferentes ,o homem tem que agir com postura ,autoridade ..Fico imaginando meu filho que agora é uma criança(7 para 8) e daqui a um tempo com 13 anos já sabendo todo o conhecimento da Real ,conseguem imaginar os senhores se aos 13 anos soubessem sobre NA e a Real ?Como suas vidas seriam diferentes ?

Caro Destro, creio que alguns conceitos, algumas experiências que relatamos aqui, a pessoa só irá aprender mesmo quando ele vivenciá-la.
É igual nós aqui, por mais que leiamo NA, Schopenhauer, EV, precisamos da teoria aliada a... prática.

Vc está no caminho certo ensinando seu filho honra, a ter fé, a buscar seu objetivos, e nunca se importar com o que pensam dele, e sempre levantar a cabeça. Porém, na questão mulher, por mais que doa, é preciso tomar saborear o lado amargo delas.
Então, não sei se vc concorda ou os outros confrades tbm, mas vc está fazendo o certo em ensiná-lo, porém quando ele começar a se envolver com as mulheres, e tiver uma decepção...é aí que vc entra e que vc vai poder ajudá-lo de uma melhor forma.
Por mais que vc ensine e lhe mostre....é o que eu penso!

Eu tenho um sobrinho e sei que não é o mesmo de ser pai, e o amor que sentimos por eles é algo muito maior e imaginá-los sofrendo é angustiante!

Mas como o próprio NA diz:
Citar:O garoto só se torna homem após passar pelo fogo do inferno emocional criado por uma mulher

Abraço

Destro

(25-11-2012, 11:23 PM)sorine Escreveu: [ -> ]Vc está no caminho certo ensinando seu filho honra, a ter fé, a buscar seu objetivos, e nunca se importar com o que pensam dele, e sempre levantar a cabeça. Porém, na questão mulher, por mais que doa, é preciso tomar saborear o lado amargo delas.
Então, não sei se vc concorda ou os outros confrades tbm, mas vc está fazendo o certo em ensiná-lo, porém quando ele começar a se envolver com as mulheres, e tiver uma decepção...é aí que vc entra e que vc vai poder ajudá-lo de uma melhor forma.

Eu não falo de mulheres com meu filho porque ele é um criança não tem idade para este tipo de assunto ,pretendo apresentar a Real para ele quando tiver idade o suficiente ,mas aprender mesmo é só quebrando a cara em relacionamento a pratica tem que ser conhecida ,fato .
(25-11-2012, 11:37 PM)Destro Escreveu: [ -> ]
(25-11-2012, 11:23 PM)sorine Escreveu: [ -> ]Vc está no caminho certo ensinando seu filho honra, a ter fé, a buscar seu objetivos, e nunca se importar com o que pensam dele, e sempre levantar a cabeça. Porém, na questão mulher, por mais que doa, é preciso tomar saborear o lado amargo delas.
Então, não sei se vc concorda ou os outros confrades tbm, mas vc está fazendo o certo em ensiná-lo, porém quando ele começar a se envolver com as mulheres, e tiver uma decepção...é aí que vc entra e que vc vai poder ajudá-lo de uma melhor forma.

Eu não falo de mulheres com meu filho porque ele é um criança não tem idade para este tipo de assunto ,pretendo apresentar a Real para ele quando tiver idade o suficiente ,mas aprender mesmo é só quebrando a cara em relacionamento a pratica tem que ser conhecida ,fato .

Sim sim. Eu sei que vc não fala ainda! Mas algumas Reais pequenas sobre a vida, postura, ser uma boa pessoa vc fala com certeza.
Mas sobre relacionamentos é foda cara!
Infelizmente é só quebrando a cara que a gente aprende!
Louvável intenção do texto do Destro em apoiar quem ainda está em duvidas sobre ter ou não ter, filhos. Muito bem, quem quiser ter filhos, eu também apóio. Vá em frente e eduque-o da melhor forma possivel.

Eu não tenho interesse nisso, mas levo essa mensagem à frente.
Eu tenho 3 filhos, 2 deles bem mais velhos que os seus Destro. E te digo o seguinte:

- Se tu for casado com a mãe, levanta a mão pro céu. Se ela te apoia na criação que seu filho recebe de ti, considere-se o homem mais feliz do mundo.
- Seu filho HOMEM nunca vai te escutar, ele não gosta de você no subconsiente dele.
(antes que você pense que eu bebi, ou que sou louco de te falar um treco desses, saiba que "qualquer garoto" morre de ciúmes do pai, e do seu relacionamento com a mãe, Édipo age forte na infância)
- Essa lama acaba na adolescência, quando ele começar a produzir testosterona. Até lá ele vai ser totalmente manipulado pela mãe.
- Por fim, por mais conselho que quiser dar, por mais legal que tu seja, ele tem a individualidade dele, e se ele quiser ser mangina, vai ser sim. Sem sombra de dúvida! Mas pelo menos tu vai ter tentado.

É assim que eu vejo a criação dos meus, eu farei o meu melhor, mas se não adiantar, pelo menos tentei.
(26-11-2012, 12:20 PM)Petulas Escreveu: [ -> ]Eu tenho 3 filhos, 2 deles bem mais velhos que os seus Destro. E te digo o seguinte:

- Se tu for casado com a mãe, levanta a mão pro céu. Se ela te apoia na criação que seu filho recebe de ti, considere-se o homem mais feliz do mundo.
- Seu filho HOMEM nunca vai te escutar, ele não gosta de você no subconsiente dele.
(antes que você pense que eu bebi, ou que sou louco de te falar um treco desses, saiba que "qualquer garoto" morre de ciúmes do pai, e do seu relacionamento com a mãe, Édipo age forte na infância)
- Essa lama acaba na adolescência, quando ele começar a produzir testosterona. Até lá ele vai ser totalmente manipulado pela mãe.
- Por fim, por mais conselho que quiser dar, por mais legal que tu seja, ele tem a individualidade dele, e se ele quiser ser mangina, vai ser sim. Sem sombra de dúvida! Mas pelo menos tu vai ter tentado.

É assim que eu vejo a criação dos meus, eu farei o meu melhor, mas se não adiantar, pelo menos tentei.

(2) Foi mais ou menos a minha resposta lá no MR... Smile

(26-11-2012, 12:20 PM)Petulas Escreveu: [ -> ]- Por fim, por mais conselho que quiser dar, por mais legal que tu seja, ele tem a individualidade dele, e se ele quiser ser mangina, vai ser sim. Sem sombra de dúvida! Mas pelo menos tu vai ter tentado.

É assim que eu vejo a criação dos meus, eu farei o meu melhor, mas se não adiantar, pelo menos tentei.

E além da individualidade dele, ainda citei q o sistema é mais forte do que a gente...nós q estamos na real ainda damos umas vaciladas de vez em qdo...imagina alguém q vc tá "influenciando" e não por decididamente querer agir de determinada forma? Bem difícil...
Destro, tenho acompanhado os seus posts.
E o que eu enxergo em vc, é um cara legal, que tentou dar certo no seu relacionamento, acredita na familia, ama seu filho. Possivelmente foi forjado nos jogos emocionais do casamento, que são dificeis , e não soube bem lidar com isto.( eu que o diga).
Talvez tenha se casado com á pessoa errada ou vice- e versa. ( Pois as vezes somos incompátiveis, não é culpa de ninguém).
Mas, se culpe , apenas pelos seus erros, não assuma os erros de ninguém,
(mulheres são vitimas em potencial, sempre). Ame seu filho acima de tudo, ensine-o melhor que puder. E bola para frente, sempre acreditando no seu potencial, acreditando na vida. Ajudando, com seus conhecimentos, á quem vc puder ajudar, e com seu testemunho de vida.

Um abraço meu irmão da real

Destro

(26-11-2012, 07:15 PM)Sendman Escreveu: [ -> ]Destro, tenho acompanhado os seus posts.
E o que eu enxergo em vc, é um cara legal, que tentou dar certo no seu relacionamento, acredita na familia, ama seu filho. Possivelmente foi forjado nos jogos emocionais do casamento, que são dificeis , e não soube bem lidar com isto.( eu que o diga).
Talvez tenha se casado com á pessoa errada ou vice- e versa. ( Pois as vezes somos incompátiveis, não é culpa de ninguém).
Mas, se culpe , apenas pelos seus erros, não assuma os erros de ninguém,
(mulheres são vitimas em potencial, sempre). Ame seu filho acima de tudo, ensine-o melhor que puder. E bola para frente, sempre acreditando no seu potencial, acreditando na vida. Ajudando, com seus conhecimentos, á quem vc puder ajudar, e com seu testemunho de vida.

Um abraço meu irmão da real

Obrigado .
Destro, sei que você é mais velho que eu, tem mais vivência que eu, mas algo que eu gostaria de te lembrar, é o seguinte:

Nada do que você disser, ou tentar ensinar, vai ser eficaz sem o seu exemplo. Ensine como ser um homem honrado, e seja um homem honrado. Assim seu filho vai ser mais um grande guerreiro da Real da próxima geração, vai poder lembrar de você nos momentos de fraqueza, enfim, com o ensinamento e o seu exemplo, ele tem tudo para ser melhor do que você, mais completo do que você, menos fraco que você, mais adaptado a esse mundo vaginante.

Boa sorte com você e seu futuro búfalo.

Destro

(26-11-2012, 09:05 PM)Max Payne Escreveu: [ -> ]Destro, sei que você é mais velho que eu, tem mais vivência que eu, mas algo que eu gostaria de te lembrar, é o seguinte:

Nada do que você disser, ou tentar ensinar, vai ser eficaz sem o seu exemplo. Ensine como ser um homem honrado, e seja um homem honrado. Assim seu filho vai ser mais um grande guerreiro da Real da próxima geração, vai poder lembrar de você nos momentos de fraqueza, enfim, com o ensinamento e o seu exemplo, ele tem tudo para ser melhor do que você, mais completo do que você, menos fraco que você, mais adaptado a esse mundo vaginante.

Boa sorte com você e seu futuro búfalo.

Obrigado
Boa sorte na criação do seu filho. Lembre-se, porém, que o mesmo está e sempre estará exposto a várias outras influências além da sua, amigos, escola, mídia, etc. O sistema é anti-homem e anti-cristão. Você sabe disso. Tenha em mente que a luta será árdua.

Eu tenho 30 anos e ainda não tenho filhos, mas não descartei ainda a possibilidade de tê-los.

Destro

(27-11-2012, 10:43 AM)Gekko Escreveu: [ -> ]Boa sorte na criação do seu filho. Lembre-se, porém, que o mesmo está e sempre estará exposto a várias outras influências além da sua, amigos, escola, mídia, etc. O sistema é anti-homem e anti-cristão. Você sabe disso. Tenha em mente que a luta será árdua.

Eu tenho 30 anos e ainda não tenho filhos, mas não descartei ainda a possibilidade de tê-los.

Obrigado .
E se for no caso de alguém ter uma filha nova (por volta de 4 anos de idade)? Como fazer?

Destro

(27-11-2012, 04:13 PM)jin_kazama Escreveu: [ -> ]E se for no caso de alguém ter uma filha nova (por volta de 4 anos de idade)? Como fazer?

Em relação a criação é ensinando a ela os melhores valores ,em relação ao lado obscuro da mulher em não sei te responder é um dilema para min ainda .
(27-11-2012, 05:53 PM)Destro Escreveu: [ -> ]
(27-11-2012, 04:13 PM)jin_kazama Escreveu: [ -> ]E se for no caso de alguém ter uma filha nova (por volta de 4 anos de idade)? Como fazer?

Em relação a criação é ensinando a ela os melhores valores ,em relação ao lado obscuro da mulher em não sei te responder é um dilema para min ainda .

[2]
Alguns dos guerreiros da real já desistiram de ter filhos, casar e constituir família. Isso se deve, em grande parte, ao ambiente extremamente desfavorável que se nos apresenta atualmente. Porém, há aqueles que ainda pensam em criar filhos honrados em meio a este mundo permeado de maldade e egoísmo extremos. Onde buscar orientação? Pouco se tem tratado sobre esse tema no meio masculinista. Já que este é o nosso reduto de honra e dignidade em meio a esta latrina em que o mundo está afundando, nada melhor do que trazer para este ambiente artigos selecionados sobre a criação de filhos.

Este tópico tem o objetivo de aglomerar artigos e dicas sobre criação de filhos, bem como compartilhar experiências, no caso daqueles que já são pais. Pode ser usado também para tirar dúvidas sobre esse tema, enfim, tudo o que for pertinente à educação e criação de filhos honrados e dignos neste mundão vaginante.

Iniciarei postando aqui um artigo, dividido em 3 partes, sobre como combater o egocentrismo e a falta de senso de dever e merecimento nos filhos. Um método baseado na meritocracia.

Todos os dias, temos várias oportunidades de fazer o bem aos outros, mas parece que as pessoas só pensam em si mesmas. Isso fica evidente em praticamente todo lugar – desde a forma descarada como alguns defraudam os outros até o modo agressivo como dirigem; desde seu palavreado vulgar até seus ataques de raiva.

Um clima de egoísmo também existe em muitos lares. Por exemplo, algumas pessoas se divorciam simplesmente porque acham que merecem algo melhor. Até mesmo alguns pais, sem se dar conta, contribuem para um ambiente egoísta. Como? Por fazer todas as vontades dos filhos e hesitar em aplicar qualquer tipo de disciplina.

Por outro lado, existem muitos pais que conseguem ensinar aos seus filhos a pensar também nas outras pessoas, trazendo grandes benefícios não só para eles como também para a sociedade como um todo. Filhos bem educados e bondosos tem mais chances de fazer amizades e de construírem relacionamentos estáveis.

Se você tem ou pretende ter filhos, como pode evitar que os mesmos venham a ser contaminados pela cultura de egocentrismo que nos rodeia? Veremos algumas dicas nas próximas três partes do artigo.

Destro

Boa Gekko ,melhor tópico que vi ultimamente ! Acho importante tratar deste tema de sua importância para nós e a nova geração de GDR ,como todos sabem eu sou pai de um garoto de sete para oito anos ,é complicado criar filhos hoje neste mundo perverso ,esta é a minha maior preocupação atualmente como criar meu filho bem neste mundo e como passar valores sólidos para ele ( até escrevi um tópico sobre isto não sei onde esta esta aqui no fórum !)Além de valore sólidos eu passarei a Real para ele ,(já começei a passar ) mas focando na ideia de caráter ( ele é novo para ainda para se conversar sobre o lado obscuro das mulheres ) passo a parte da Real sobre honra ,ser correto e sempre se desenvolver pessoalmente ,e ele tem me feito muito orgulhoso porque é um bom aluno e até meio alfa para as coleguinhas dele de sala ( puxou a beleza da mãe que fique claro !rsrs ) mas é isto, bom tópico Gekko gostei muito ,Fé e Honra .
Parte 1: elogios em excesso


Pesquisadores notaram uma tendência preocupante: muitos jovens adultos estão entrando no mercado de trabalho com um senso exagerado de merecimento, isto é, esperam ser bem-sucedidos mesmo tendo feito pouco ou nada para merecer isso. Alguns imaginam que logo serão promovidos mesmo sem ter domínio da profissão. Outros estão convencidos de que são especiais e merecem um tratamento especial – e daí ficam ressentidos quando percebem que o mundo não os vê da mesma maneira.


Às vezes, esse senso exagerado de merecimento começa na infância. Por exemplo, o movimento da autoestima, que surgiu algumas décadas atrás, influenciou demais alguns pais. A ideia desse movimento parecia fazer sentido: se um pouco de elogio é bom para as crianças, bastante elogio é melhor ainda. Acreditava-se também que mostrar qualquer tipo de desaprovação só deixaria a criança desmotivada. E num mundo determinado a inflar a autoestima, alguém que mostrasse desaprovação era o exemplo perfeito de um pai negligente. Os pais aprenderam assim que os filhos nunca deviam ser levados a ter um sentimento negativo sobre si próprios.


Muitos pais e mães passaram então a inundar os filhos de elogios, mesmo quando não havia motivo especial para isso. Cada coisa boa que faziam, por menor que fosse, era comemorada; cada erro cometido, por pior que fosse, era desconsiderado. Esses pais acreditavam que o segredo para aumentar a autoestima era ignorar o mau comportamento e elogiar todo o resto. Massagear o ego dos filhos se tornou mais importante do que ensiná-los a fazer coisas que realmente os fariam se sentir bem.


O elogio é apropriado quando merecido, mas elogiar os filhos só para aumentar sua autoestima pode levá-los a ter um conceito distorcido de si mesmos. Quando alguém acha que é alguma coisa que na realidade não é, o que de fato ocorre é que esta pessoa está enganando sua própria mente e isso não deve ser incentivado pelos pais, que devem corrigir seus filhos.


Tenha por objetivo corrigir quando necessário e elogiar só quando for realmente merecido. Nunca elogie seus filhos só para fazer com que se sintam bem, pois isso dificilmente dá certo. O livro Generation Me (Geração Primeiro Eu, em uma tradução livre) diz: “A verdadeira autoconfiança vem do aprendizado e do aperfeiçoamento de seus talentos, não de se ouvir que você é o máximo só porque existe.”

Destro

Citar:Às vezes, esse senso exagerado de merecimento começa na infância. Por exemplo, o movimento da autoestima, que surgiu algumas décadas atrás, influenciou demais alguns pais. A ideia desse movimento parecia fazer sentido: se um pouco de elogio é bom para as crianças, bastante elogio é melhor ainda. Acreditava-se também que mostrar qualquer tipo de desaprovação só deixaria a criança desmotivada. E num mundo determinado a inflar a autoestima, alguém que mostrasse desaprovação era o exemplo perfeito de um pai negligente. Os pais aprenderam assim que os filhos nunca deviam ser levados a ter um sentimento negativo sobre si próprios.

Tenho reparado isto mesmo ,as pessoas hoje acham que não podem ser criticadas ( criticas construtivas ) se vc critica para construir é visto como chato e inconveniente ,é decorrência desta visão que as pessoas tem de seu próprio ego ''Sou bom demais quem é vc para me criticar ''
Páginas: 1 2 3