Fórum do Búfalo

Versão Completa: Não sei o que fazer
Esta é uma versão reduzida do nosso conteúdo. Ver versão completa com o formato adequado.
Conheci minha esposa em 1997 quando ela tinha 16 anos, ela trabalhava e todo salário dela ia para a famíla , ela não gastava nada com ela e ainda estudava, desde então estamos juntos, ela sempre fez todas as minhas vontades, se tinha algo preparado para o jantar que não me agrada ela prepara o que eu queria na hora sem pestanejar, sempre perguntava o que eu queria, não saia de casa sem avisar onde estava e o que iria fazer, tinha um cuidado especial comigo, nunca saia sozinha nem para ir a casa da mãe, não tomava nenhuma decisão sem perguntar minha opinião antes, sempre me apoiava era fogosa comigo.
Enquanto eu ao contrário durante todo este tempo junto a ela mantive várias relações extraconjugais, sem que ela soubesse, até o dia em que uma mulher com quem eu estava dando uns pegas conseguiu não sei de que forma o celular dela e ligou para a mesma dizendo que estava comigo, descreveu a roupa que eu estava usando e onde estávamos, minha esposa apareceu no local, um barzinho, e encontrou aos beijos com a mulher, jamais esquecerei a cena, minha esposa não fez escandalos, não disse nada só me olhou com lágrimas nos olhos e saiu correndo.
Eu fiquei apavorado pensando que ela iria me matar quando chegasse em casa, mas não, a única coisa que ela fez foi me perguntar aos prantos em que ela estava falhando, o que ela deixava faltar, se havia feito algo que teria me desagradado, eu não tinha como dar uma resposta convencente a ela e disse que ninguém aguentava comer todo dia a mesma buceta e que eu gostava de variar.....Ela simplesmente se calou e me olhou decepcionada.
Achando que como toda mulher fa ela iria me dar o troco, instalei no computador um programa espião, o celular dela está no meu nome e sem que ela saiba eu acesso todas as ligaçoes que ela faz.
Não encontrei nada nem no e-mail dela e outro dia ouvi uma conversa dela com a mãe em que minha sogra dizia a ela da sorte que ela tinha em ter um marido fiel, cheguei a conclusão que ela não contou para a mãe sobre o acontecido.
Mas hoje minha esposa me chamou para uma conversa e disse que eu deveria escolher entre uma vida de solteiro ou uma de casado, pois se fosse para eu ter casos amorosos por aí que seria melhor nos divorciarmos, pois ela era fiel e se eu não posso ser que ela prefere ficar sozinha. Com isso eu a insultei dizendo que ela estava era querendo dar para os machos, a xinguei, só que ela em momento algum levantou a voz e disse que no altar ela havia feito um juramento e que levaria este juramento até o fim da vida dela, e que eu não a comparasse com a mulher com quem eu estava, pois ela não era como as mulheres de hoje em dia e me disse “_ Se você realmente conhecesse a mulher que tem ao seu lado jamais me diria estas coisas de que eu quero ser uma qualquer, eu não sou assim, não foi isso que minha mãe me ensinou, minha mãe sempre disse para eu ser uma boa esposa, mas se eu não sou isso pra você eu sinto muito, não precisa ficar preocupado pois não vou falar mal de você para ninguém e se alguém perguntar direi que você me deixou porque não fui boa esposa.
Não sei o que faço, sei que não existem mulheres como ela, mas não quero deixar de comer as vagabundas
Cada escolha é uma renúncia. Se quer viver na putaria, não case. Simples assim. Não se deve assumir um compromisso que não se pode/quer honrar. Pelo seu relato, você pisou na bola e ainda foi acusá-la de querer "dar para os machos". De que parte da fala dela você deduziu isso? Se mesmo ratreando as ligações e as atividades dela na net, conhecendo-a desde os 16 anos e sabendo da história dela, você ainda consegue desconfiar, eu imagino que você tenha um problema muito sério de ciúme patológico. Não acha que é muito egoísmo da sua parte querer que ela continue com você como sua esposinha enquanto você come quem aparecer pela frente? Tome uma decisão, siga sua vida e arque com as consequências.
Veja que situação estranha, a esposa é boa pro cara e ele fazendo merda, e ainda agiu feito mulhersinha dando piti, enquanto a esposa estava sob total controle no diálogo, ae cara, sua esposa tem mais atitude de Homem que vc...
Escolha meu caro! É como o Gekko ( trollface ) disse, cada escolha tem consequencias e vc deve arcar com elas. A vida é assim! Não é justo com ela, se ela for assim mesmo do que jeito que vc diz que ela é!
E se ela for assim mesmo, cara tu tá enfiando os pés pelas mãos bonito!
Esse cara é o típico cafageste de que nós falamos aqui, e a mulher dele é a típica mulher vitimista que gosta de cafageste.
Se não fosse assim, ela o teria deixado quando descobrisse quem ele é, sinal que já sabia quando escolheu ele.

Conselho:
Deixe a tua mulher e vá pegar vagabundas por ai. Mas antes, pise bastante nela, a humilhe bastante, e a trate como um lixo (como você vem fazendo). Quem sabe assim ela aprende a não se meter com tipos como você. Quem sabe ela resolve se envolver com um homem que preste, ou ela aceita e fica com o cafageste. Vai ver é disso que ela realmente gosta.

Dexter, não sei o que você acha que vai encontrar aqui nesse fórum, mas eu sei que você está no lugar errado.

Acho até que você é mais um troll, uma feministazinha de merda que aparece aqui de vez enquando para criar cena.
Fake claro.
(30-01-2013, 11:48 PM)Gekko Escreveu: [ -> ]Cada escolha é uma renúncia. Se quer viver na putaria, não case. Simples assim. Não se deve assumir um compromisso que não se pode/quer honrar. Pelo seu relato, você pisou na bola e ainda foi acusá-la de querer "dar para os machos". De que parte da fala dela você deduziu isso? Se mesmo ratreando as ligações e as atividades dela na net, conhecendo-a desde os 16 anos e sabendo da história dela, você ainda consegue desconfiar, eu imagino que você tenha um problema muito sério de ciúme patológico. Não acha que é muito egoísmo da sua parte querer que ela continue com você como sua esposinha enquanto você come quem aparecer pela frente? Tome uma decisão, siga sua vida e arque com as consequências.

Análise perfeita do Gekko.

Porra Dexter! Egoismo do caralho esse seu. Pare de agir igual moleque. Se é incapaz de honrar seu casamento termine tudo e assuma a vida de solteiro.

Sua esposa parece ser uma boa mulher que está se esforçando pra esse casamento dar certo. E você está com essa mulequice desonrada de correr atras de vagabunda.

Toma tento rapaz!
Isso aí é fake, creio que esse lixo deve ser alguma Feminazi querendo arrumar algum tipo de ''prova de hipocrisia'', quem sabe ela queira ver como nós reagimos à essa história, já que discutimos e criticamos esse assunto (infidelidade) todos os dias, mas na vesão contrária (mulher sendo vadia e traindo o homem bom), creio que ela queira ''testar'' pra ver se daremos respostas hipócritas e apoiamos esse lançe de (não é justo comer uma buceta só, tem que ter várias e blá blá blá), pra depois nos tachar como machistas hipócritas para o seu bando de vadias, então lá vai a minha versão como se eu tivesse acreditado na veracidade da sua história: você é um pedaço de bosta desonrado que trai uma boa mulher (se é que existe), e mesmo assim ainda quer culpá-la por sua instatisfação, de ambos os jeitos (marido desonrado ou feminazi com dor de cu) vc são dois lixos, e não merecem estar aqui, BAM nessa merda.
EU acho que é troll.

Fúria

(31-01-2013, 12:30 AM)Navarre Escreveu: [ -> ]Esse cara é o típico cafageste de que nós falamos aqui, e a mulher dele é a típica mulher vitimista que gosta de cafageste.
Se não fosse assim, ela o teria deixado quando descobrisse quem ele é, sinal que já sabia quando escolheu ele.

Conselho:
Deixe a tua mulher e vá pegar vagabundas por ai. Mas antes, pise bastante nela, a humilhe bastante, e a trate como um lixo (como você vem fazendo). Quem sabe assim ela aprende a não se meter com tipos como você. Quem sabe ela resolve se envolver com um homem que preste, ou ela aceita e fica com o cafageste. Vai ver é disso que ela realmente gosta.

Dexter, não sei o que você acha que vai encontrar aqui nesse fórum, mas eu sei que você está no lugar errado.

Acho até que você é mais um troll, uma feministazinha de merda que aparece aqui de vez enquando para criar cena.

Foi o que pensei também!!

Mas é o seguinte, você é o pior LIXO de homem que existe, você engana, manipula sua mulher, ela PELO QUE VC DIZ, é decente e merece um tratamento igualmente decente e não é o que você faz! A mulher faz tudo por você e você devolve com chifres???? Não sabe o que fazer???? Vira HOMEM caralho! Toma vergonha na tua fuça de merda, assume a porra do seu compromisso decentemente!!! Não quer compromisso, não quer comer a mesma buceta sempre????? Vai viver na putaria e contrata tua mulher como empregada!!
A única coisa que eu queria fazer agora é pedir desculpas para a minha esposa.
Assim que entrei em nosso apartamento, estranhei ela não ter vindo me receber como de costume. Fui até o quarto e a única coisa que encontrei foi um bilhete e papéis em cima da cama.
Ela deixou os papéis do divórcio
Análise espetacular do Navarre.
I. Os requerentes casaram-se na cidade do Rio de janeiro, em 10 de Março de 1999 , pelo regime de comunhão de bens, sendo portanto casados há mais de 2 (dois) anos, como se vê da Certidão de Casamento inclusa (Documento II), inexistindo pacto antenupcial.
I. Dessa união nasceu a filha Sofia Al-Nur dos Santos, como se vê as Certidão inclusa .


requerer SEPARAÇÃO JUDICIAL CONSENSUAL, pelo que, com o devido respeito e acatamento, expõem e requerem a Vossa Excelência o que segue:

IV. A filha ficará sob a guarda da mãe, podendo o pai visitá-la quando lhe aprouver e que essas visitas serão realizadas na residência dos avós maternos, no horário compreendido entre 8:00 e 17:00 horas, ficando o pai com direito de sair em férias anuais com a filha, durante as férias escolares nos meses de julho e janeiro, por um período de 7 dias corridos; ou uma vez por mês, aos domingos, o pai poderá retirar a filha da residência dos avós maternos, às 8:00 horas, para tê-la em sua companhia, com horário de retorno previsto impreterivelmente para 17:00 horas.
VI. Não há bens a serem partilhados, pois, na constância do casamento, os cônjuges adquiriram apenas bens que guarneciam a casa, os quais ficarão para o cônjuge varão quando da saída da cônjuge virago do lar.
VI. Em razão de a requerente possuir bens suficientes para lhe garantir a subsistência, o marido não lhe concederá qualquer pensão alimentícia.

VII. A requerente, após homologada a presente separação, voltará a usar o nome de solteir
É, ninguém aqui vai te ajudar. Teve o que mereceu, paspalho.
(31-01-2013, 02:17 AM)Dexter Escreveu: [ -> ]A única coisa que eu queria fazer agora é pedir desculpas para a minha esposa.
Assim que entrei em nosso apartamento, estranhei ela não ter vindo me receber como de costume. Fui até o quarto e a única coisa que encontrei foi um bilhete e papéis em cima da cama.
Ela deixou os papéis do divórcio

Sério cara? Tu estranhou ela não ter ido te receber???
É como o Fúria disse, você não queria uma esposa, queria uma empregada que fizesse o que você bem entendesse
Sua mulher era compreensiva e pediu pra você fazer uma opção.

Mas estranhamente e coincidentemente, depois de você postar sua história e ver a pouca aceitação a sua conduta ela "mudou de idéia" e arrumou um advogado pra preparar os papeis pra você assinar em tempo recorde.

Depois você "digitou" quase 40 linhas em 7 minutos.

Me convenceu, Você é uma trollzinha atoa.
Um advogado pode realizar o divorcio de um irmã? É legal isso?
(31-01-2013, 12:36 AM)ZeroSum Escreveu: [ -> ]Fake claro.
[2]
Nossa, que mulher boazinha, e ainda saiu e deixou ele com a casa e com tudo, saindo de lá com a filha....

E que legal a filha ter o nome de uma contração d uma fundação islãmica e da cidade em que está instaurada. Mas é claro, com sobre nome do Santos...

Só que Al-Noor se escreve assim. Pede pra consertar seu google... rsrsrsrs
------------------------------------
Agora: se a chance disso não ser troll de 0,001% for verdadeira. Só tenho uma coisa a dizer.

"Sua ex-mulher é bonita? Ela vai querer ir a forra? Tem muito GDR a fim de uma marmitinha viu...."
Tópico trancado e troll eliminado.