Fórum do Búfalo

Versão completa: [Dúvida]Como deixar de ser bonzinho e não ser estúpido
Você está vendo uma versão siplificada do nosso conteúdo. Ver versão completa com a formatação apropriada.
Páginas: 1 2
Olá,gostaria de saber como deixo a péssima imagem de um cara bonzinho sem também parecer um grosso,estupido.
Depende do contexto, mas algumas dicas genéricas porém fundamentais para vc:

Sendo educado.

Aprenda a dizer a palavra NÃO.

Não tente agradar ninguem.

Seja recíproco.

Não faça favores de graça achando que vai comer alguem.

Em minha experiência pessoal foi quase impossivel deixar de ser bonzinho sem ser considerado grosso, insensivel ou estúpido...
(04-01-2013, 08:44 PM)Surfista Escreveu: [ -> ]Olá,gostaria de saber como deixo a péssima imagem de um cara bonzinho sem também parecer um grosso,estupido.

"Plante um pensamento, colha uma ação; plante uma ação, colha um hábito; plante um hábito, colha um caráter; plante um caráter, colha um destino." - Stephen Covey

A imagem de bonzinho que você projeta é reflexo do seu eu interior: pensamentos e crenças errôneas e deformadas geram comportamentos deformados. Você tem que rever sua "programação", assim poderá corrigir suas ações e comportamentos.

O Spirit disponibilizou totalmente "de grátis" esse e-book: "Os Princípios Que Regem a Interação Social" e fala MUITO BEM sobre isso. Leitura obrigatória.

http://forum.bufalo.info/showthread.php?...%A7%C3%A3o
Também gostaria da opinião dos Confrades pois tbm padeço do mesmo problema. Sempre fui muito educado com as pessoas e bonzinho demais com mulheres.
Como tentar mudar minha imagem de bonzinho demais mas continuando a ser educado?
Abraços
(04-01-2013, 09:09 PM)Andarilho Escreveu: [ -> ]
(04-01-2013, 08:44 PM)Surfista Escreveu: [ -> ]Olá,gostaria de saber como deixo a péssima imagem de um cara bonzinho sem também parecer um grosso,estupido.

"Plante um pensamento, colha uma ação; plante uma ação, colha um hábito; plante um hábito, colha um caráter; plante um caráter, colha um destino." - Stephen Covey

A imagem de bonzinho que você projeta é reflexo do seu eu interior: pensamentos e crenças errôneas e deformadas geram comportamentos deformados. Você tem que rever sua "programação", assim poderá corrigir suas ações e comportamentos.

O Spirit disponibilizou totalmente "de grátis" esse e-book: "Os Princípios Que Regem a Interação Social" e fala MUITO BEM sobre isso. Leitura obrigatória.

http://forum.bufalo.info/showthread.php?...%A7%C3%A3o

baixando...

Destro

Primeiro : Pense se as pessoas fariam as mesmas ações boas que você faz a elas -a reciprocidade ?
segundo: Foque mais em você
terceiro :Não faça as coisa querendo recompensa isto te prende ao ato de fazer as coisas e ser bonzinho .
Esse texto foi escrito por um dos grandes búfalos do passado, Doutrinador, e como não consegui achar outra fonte, vai por aqui mesmo:

http://br.answers.yahoo.com/question/ind...829AAbcWUj

Foi esse texto que me apresentou a Real
(04-01-2013, 09:42 PM)Sorine Escreveu: [ -> ]Também gostaria da opinião dos Confrades pois tbm padeço do mesmo problema. Sempre fui muito educado com as pessoas e bonzinho demais com mulheres.
Como tentar mudar minha imagem de bonzinho demais mas continuando a ser educado?
Abraços

Você pode muito bem ser firme e confiante e ter uma postura dominante e de liderança e nem por isso precisa ser um ogro.

Veja como se comportam os "grandes lideres". Educados no trato, sem palavrões mas firmes e objetivos no que eles querem. Um bom exemplo é o Putin.

Bonzinhos são pessoas que querem aprovacao e se anulam com medo da rejeicao.

Leia o livro do Spirit que coloquei o link.
Bonzinhos são inseguros e utilizam da bondade para aprovação dos outros. São capazes de ir contra a sua integridade fisica para tentar agradar o proximo.

Bonzinhos são carentes, inseguros, de baixa auto estima e rejeitados. Utilizam dessa bondade exagerada para impressionar e serem aceitos na sociedade.

Fim.

Educado vc é com quem for com vc. Se a pessoa lhe olha feio, faça o mesmo.

Um exemplo:

Na academia nova em que estou indo, é lotada e vai mta gostosa. Então eu tenho a linguagem corporal esguía, corpo ereto ando com movimentos firmes e seguros. Lá me sinto em casa. Faço interação com quem eu quero, sem hesitar. Olho nos olhos. Enfim, como tem de ser.
Tem vadia lá que te comprimenta, eu retribuo. Tem vadia que sorri pra vc, e lhe dá um elogio. Eu retribo. Mas tem vadia que me olha feio, eu olho feio e qdo eu interajo, falo em tom firme e sério. Dá até medo. Haha.
Tem vadia que se acha o centro das atenções e incomoda. Tampa a passagem, quer conversar na hora errada, oq eu faço, sou o cara mais mal educado q existe. Passo q nem trator por cima delas. Esbarrando como um cavalo. Elas olham com cara de bosta e eu nem ai. Eu as ignoro, trato-as como merda. Elas ficam possesas. Não tenho dó não.
(05-01-2013, 02:12 AM)Mandrake Escreveu: [ -> ]Bonzinhos são inseguros e utilizam da bondade para aprovação dos outros. São capazes de ir contra a sua integridade fisica para tentar agradar o proximo.

Bonzinhos são carentes, inseguros, de baixa auto estima e rejeitados. Utilizam dessa bondade exagerada para impressionar e serem aceitos na sociedade.

Fim.

Quando adolescente eu estava indo por esse caminho, o "bonzinho way of life", eu ficava meio aflito por não ser popular no ensino médio, e porque havia pessoas na minha sala que não falavam comigo, eu ficava me perguntando se era porque eu não era simpático o bastante e tal, mas aí veio o fim do odiável ensino médio.

Aprendi muita coisa, hoje sei que o problema era justamente me importar com aquelas pessoas, hoje na no bairro, no trabalho, na universidade, tenho fama de ogro ignorante, não dou nenhuma moral para gente de nariz empinado, o tratamento é reciproco, não preciso ficar distribuindo sorrisos, nenhum deles pagam as minhas contas, ninguém dessa gente medíocre e metida a besta tem nada comigo e até prefiro, e assim é que é.
(04-01-2013, 09:05 PM)John Reese Escreveu: [ -> ]Em minha experiência pessoal foi quase impossivel deixar de ser bonzinho sem ser considerado grosso, insensivel ou estúpido...

Essa vai ser a consequência inevitável, basta pensar um pouco, a mulher vai entrar no modo emocional e ficar com raivinha de não ter achado um otário pra ela manipular e conseguir favores de graça.Ainda mais se for uma razoavelmente bonita e acostumada a ser paparicada
Ser considerado grosso não pode ser a preocupação de ninguém, quem tem interesse vai considerar qualquer coisa uma grosseria.

Fúria

(04-01-2013, 08:44 PM)Surfista Escreveu: [ -> ]Olá,gostaria de saber como deixo a péssima imagem de um cara bonzinho sem também parecer um grosso,estupido.

Acho que o fundamental é não rir por qualquer merda, não ficar fazendo piadinha de 5 em 5 minutos, só fazer "favor" se a pessoa lhe prestou algum favor antes, ser sério e concentrado no que faz! Sempre que pedirem alguma coisa pra você automaticamente e em tom de voz sério pergunte o que a pessoa te dará em troca.
Eu conheço a Real, e sou bonzinho! óóóóóóóó...

Mas antes de criticar leiam TUDO ABAIXO! OK???

Seguinte, eu sempre tive fama de bonzinho antes da Real, mas eu era na verdade um TROUXA. As pessoas me usavam e usavam o meu altruísmo pra se tirar vantagem.

Hoje continuo bonzinho, mas sem ser trouxa de ninguém. Sem dar a ninguém sem que a pessoa mereça!

Entende o que eu quero dizer? Você não precisa perder seu altruísmo, sua bondade, nem trair seus princípios, seja você mesmo! Só não seja trouxa!

Meu cachorro foi achado por mim na rua, cheio de sarna, tratei e ele tá bonitão em casa. Isso é ser bonzinho? Talvez, mas não é ser trouxa!

Toda vez que chego no bar que tomo chopp de quinta e sexta, eu dou um abraço bem gostoso na garçonete. Sorrio pra ela, e pergunto como foi a semana, é ser bonzinho? Talvez. Mas eu não faço isso porque quero comer ela, pois ela é feia e gorda! Só que essa atenção que dou, faz ela me atender bem!

Meu chopp vem gelado e já ouvi ela falando bem de mim pra outras garotas do bar!

Resumindo, já dei cesta básica, já virei noite pra ir com parente em delegacia, já emprestei meu carro pra carregar coisa....
Mas nunca, nunca fiz isso pra ter a aprovação de ninguém, nem pra conseguir sexo, nem pra me manter na friendzone. E sim por puro altruísmo!

Meu cachorro não me retribuiu nenhum dinheiro, nem me deu nada em troca por ter tirado ele da rua. Mas eu quis fazer, simplesmente porque deu vontade. Só isso!!

Agora, vou ficar achando que sou trouxa só porque ele não traz comida pra casa? ou porque ele não me escuta meus problemas, etc...

Resumindo mais ainda:
Antes da real = ser bonzinho pra ganhar aprovação das pessoas.
Depois da real = ser bonzinho pra agradar a mim mesmo. (altruísmo)
Citação:Educado vc é com quem for com vc. Se a pessoa lhe olha feio, faça o mesmo.

Um exemplo:

Na academia nova em que estou indo, é lotada e vai mta gostosa. Então eu tenho a linguagem corporal esguía, corpo ereto ando com movimentos firmes e seguros. Lá me sinto em casa. Faço interação com quem eu quero, sem hesitar. Olho nos olhos. Enfim, como tem de ser.
Tem vadia lá que te comprimenta, eu retribuo. Tem vadia que sorri pra vc, e lhe dá um elogio. Eu retribo. Mas tem vadia que me olha feio, eu olho feio e qdo eu interajo, falo em tom firme e sério. Dá até medo. Haha.
Tem vadia que se acha o centro das atenções e incomoda. Tampa a passagem, quer conversar na hora errada, oq eu faço, sou o cara mais mal educado q existe. Passo q nem trator por cima delas. Esbarrando como um cavalo. Elas olham com cara de bosta e eu nem ai. Eu as ignoro, trato-as como merda. Elas ficam possesas. Não tenho dó não.

Mandrake deu aula de como agir numa academia... muito foda
Mandou bem, Petulas.
O exemplo do chopp eu digo que vc alem de estar sendo sociavel, vc tb ganha pontos no atendimento e no seu "filme" perante a casa. Vc é bem visto lá, e consequentemente, as garçonetes acabam lhe trazendo beneficio. Eu faço isso tb.

Sobre o seu cachorro, bom, ja ouviu aquela frase: " O cachorro é o melhor amigo do homem. " Pois bem, de amor à um canino, que ele jamais lhe abandonará.

Assista aquele filme: Sempre ao seu lado (segue o trailler), e vc verá o que eu estou dizendo.





É aquela coisa, vc faz um gesto bom, se esse gesto é aceito e tem uma retribuição, ok.
Vc faz um gesto bom, esse gesto não só, não é aceito, como não tem gratidão, NUNCA MAIS.

Comigo é assim.

Vitor, digamos que eu era um pouco diferente, mas depois do que eu li o Navarre, patrimonio cultural do forum do bufalo, escrever algum tempo atrás, sobre como se portar em uma academia. Eu resolvi introspectar, e então, reforcei este comportamento viril e pronto pra batalha, bem como ensinou Navarre.

Este topico em que o Navarre escreveu, está perdido aqui no Forum, eu tentei procurar para colocar no Topico "Hoje na academia", mas não encontrei.
vcs estão certos.

só devo dar atenção a quem realmente merece e não a qualquer um(e principalmente:A QUALQUER UMA),e sem esperar nd em troca tbm.
Não seja um cara padrão da vida, porque se não vai estrepar com isso, seja um camaleão para cada situação vc mudar de cor e qualidade.
Seja a diferença não a igualdade para com o proximo.
(04-01-2013, 10:28 PM)Andarilho Escreveu: [ -> ]
(04-01-2013, 09:42 PM)Sorine Escreveu: [ -> ]Também gostaria da opinião dos Confrades pois tbm padeço do mesmo problema. Sempre fui muito educado com as pessoas e bonzinho demais com mulheres.
Como tentar mudar minha imagem de bonzinho demais mas continuando a ser educado?
Abraços

Você pode muito bem ser firme e confiante e ter uma postura dominante e de liderança e nem por isso precisa ser um ogro.

Veja como se comportam os "grandes lideres". Educados no trato, sem palavrões mas firmes e objetivos no que eles querem. Um bom exemplo é o Putin.

Bonzinhos são pessoas que querem aprovacao e se anulam com medo da rejeicao.

Leia o livro do Spirit que coloquei o link.
Estou lendo! Imprimi e mandei encadernar!!
Depois posto a foto da capa! Ficou maneiro!
Andei lendo alguns capítulos e considero a obra essencial como ler NA e EV.
(05-01-2013, 09:51 PM)Petulas Escreveu: [ -> ]Eu conheço a Real, e sou bonzinho! óóóóóóóó...

Mas antes de criticar leiam TUDO ABAIXO! OK???

Seguinte, eu sempre tive fama de bonzinho antes da Real, mas eu era na verdade um TROUXA. As pessoas me usavam e usavam o meu altruísmo pra se tirar vantagem.

Hoje continuo bonzinho, mas sem ser trouxa de ninguém. Sem dar a ninguém sem que a pessoa mereça!

Entende o que eu quero dizer? Você não precisa perder seu altruísmo, sua bondade, nem trair seus princípios, seja você mesmo! Só não seja trouxa!

Meu cachorro foi achado por mim na rua, cheio de sarna, tratei e ele tá bonitão em casa. Isso é ser bonzinho? Talvez, mas não é ser trouxa!

Toda vez que chego no bar que tomo chopp de quinta e sexta, eu dou um abraço bem gostoso na garçonete. Sorrio pra ela, e pergunto como foi a semana, é ser bonzinho? Talvez. Mas eu não faço isso porque quero comer ela, pois ela é feia e gorda! Só que essa atenção que dou, faz ela me atender bem!

Meu chopp vem gelado e já ouvi ela falando bem de mim pra outras garotas do bar!

Resumindo, já dei cesta básica, já virei noite pra ir com parente em delegacia, já emprestei meu carro pra carregar coisa....
Mas nunca, nunca fiz isso pra ter a aprovação de ninguém, nem pra conseguir sexo, nem pra me manter na friendzone. E sim por puro altruísmo!

Meu cachorro não me retribuiu nenhum dinheiro, nem me deu nada em troca por ter tirado ele da rua. Mas eu quis fazer, simplesmente porque deu vontade. Só isso!!

Agora, vou ficar achando que sou trouxa só porque ele não traz comida pra casa? ou porque ele não me escuta meus problemas, etc...

Resumindo mais ainda:
Antes da real = ser bonzinho pra ganhar aprovação das pessoas.
Depois da real = ser bonzinho pra agradar a mim mesmo. (altruísmo)
Falou a palavra certa: altruísmo. Isso não tem nada a ver com ser otário. Se você sabe algo que alguém não sabe, por que não ensinar? Se você é mais forte que alguém, por que não ajudar? O problema é quando você faz isso por uma mulher, querendo aprovação. Acho que o nome disso é manginismo, né? (sou novo aqui). Mas já percebi que muitos novatos (eu,inclusive) deixam de ajudar outras pessoas (mesmo mulheres), achando que, com isso,estarão sendo manginistas. O lance é saber que você faria, independentemente de quem fosse. A garçonete gordinha, a vadia, a gostosa, o cara legal, foda-se. Faz porque acha que é certo. E se perceber que tão abusando, a resposta é fácil: não!
Evitar a polarização não é uma tarefa fácil. Para não manginar, a regra de ouro é se perguntar se faria aquilo por um colega homem, um aluno homem, um desconhecido homem, um seja lá o que do sexo masculino. Se perceber que ia fazer algo para alguém ou tratar de alguma forma só pelo fato de ela ter uma vagina, mude de atitude. O Sedsage mandou bem na sua pimeira resposta no Fórum. Em tempo, seja bem vindo e queira, por gentileza, apresentar-se no tópico:


http://forum.bufalo.info/showthread.php?tid=30&page=20
Páginas: 1 2