Fórum do Búfalo

Versão Completa: Meu Primeiro Relacionamento Pós Real
Esta é uma versão reduzida do nosso conteúdo. Ver versão completa com o formato adequado.
Páginas: 1 2 3
Creio que o Jaguar entra com os dois pés realisticos nesse relacionamento. E não hesitará em acabar a relação no primeiro erro grave da Moça.

Divergencias é natural em um relacionamento o que não pode é deixar de ser vc mesmo, abdicar de suas aspirações para viver o sonho dela, as aspirações dela.

Mr. L se der errado, é só terminar. Sem drama, Sem arrependimento por ter engatado essa marcha. AFINAL TODOS AQUI SOMOS HOMENS, CERTO?!

Jaguar Paw, qualquer observação sobre algo de seu relacionamento, estamos ai. Boa sorte e que ela honre vc como vc se honra.
(03-05-2016, 07:45 PM)Mandrake Escreveu: [ -> ]
Mostrar ConteúdoSpoiler:

(03-05-2016, 07:46 PM)Mandrake Escreveu: [ -> ]
Mostrar ConteúdoSpoiler:

Valeu, confrade! Força e honra!

Fuckyeah

Falar em ''queimar largada'' revela que, no fundo, quem diz isto ainda busca a princesa encantada. Que não se libertou da ilusão matrixiana, que apenas passou a sistematizá-la

E, enquanto o cabra não quebrar esta corrente, a Real será inútil para ele.
(03-05-2016, 05:51 PM)Mr. L Escreveu: [ -> ]Melhor se prevenir do que remediar:

Conforme afirma Helder Martinez Dal Col, a necessidade de se determinar quando termina o namoro e começa a união estável tem levado muitos casais a elaborarem “contratos de namoro”, visando assegurar, para um ou ambos, a certeza de que não caracterizam uma união estável, para que com isso se impeça os efeitos patrimoniais inerente a esta relação.

COL, Helder Martinez da. Contrato de Namoro. Revista Brasileira de Direito de Família: IBDFAM, Porto

O problema da união estável quando não se tem filhos são os efeitos patrimoniais, que podem ser altamente danosos.

Mas se ela trabalha, então esse efeito danoso inexiste.

A não ser se ela desempregar agora. Aí é o caso de bater em retirada....kkkyaoming
Boa sorte confrade.Hoje libertado de toda ilusão de que existe mulher perfeita e a porra toda com certeza se sente melhor e saberá conduzir de boa sua relação.
Não existe perfeição em mulher,não existe exceção assim como nós,elas são normais têm seu lado bom e ruim assim como todos.
(03-05-2016, 07:54 PM)Jaguar Paw Escreveu: [ -> ]
(03-05-2016, 07:45 PM)Mandrake Escreveu: [ -> ]
Mostrar ConteúdoSpoiler:

(03-05-2016, 07:46 PM)Mandrake Escreveu: [ -> ]
Mostrar ConteúdoSpoiler:

Valeu, confrade! Força e honra!

Fuckyeah

Falar em ''queimar largada'' revela que, no fundo, quem diz isto ainda busca a princesa encantada. Que não se libertou da ilusão matrixiana, que apenas passou a sistematizá-la

E, enquanto o cabra não quebrar esta corrente, a Real será inútil para ele.


Nada a ver, eu apenas não entraria num relacionamento sem saber o motivo do divórcio da mulher, e quer saber, isso pouco te interessa agora, se ela não revelou antes agora mesmo que ela não irá revelar, no mais ela deve ser uma boa mulher digna de se relacionar seriamente com um veterano da real, logo o motivo do divórcio não deve ser algo tão assustador e importante pra você...

Foi só uma observação que eu fiz, e eu não tenho a intenção nenhuma de atrapalhar sua tomada de decisão, você que sabe com quem se relaciona mas não deixe o ego atrapalhar sua visão, muitas vezes achamos que sabemos de tudo e que os outros não sabem de nada, um sintoma parecido com o do encantamento.

Sobre o que você disse, de forma alguma eu idealizo mulher, esse foi o principal tabu que quebrei ao conhecer o fórum...

Mas eu tenho certeza que você cometerá erros como qualquer outro, mas a maior qualidade que a real nos dá é a capacidade de discernir então se você ver algo errado, usando sua visão de realista (porque se fosse "na minha" (olha que eu nem me considero realista) eu nem começaria esse namoro por aquele detalhe já citado), você irá terminar sem drama como o Mandrake disse...

Boa sorte nessa nova empreitada, se precisar tamo aê!
(03-05-2016, 07:13 PM)Jaguar Paw Escreveu: [ -> ]Juvenas e o seu medo de buceta... Z=yaoming

Elas não mordem, não. Fiquem sabendo.

yaomingtrollface

[2]

Abandonem os teclados, vão pra rua.
Suave Mr. L, sem crise. Ninguém é infalivel. Todos nós somos passiveis de erros. Aprendemos com eles oras.
Quem erra é pq faz. E quem faz, realiza. A melhor forma de ganhar experiencias é tendo-as. Todos nós como realistas experientes, sabemos que experiencias são essenciais, mas sabedoria ao tê-las tb. Não seremos idiotas de querer viver todas as experiencias do mundo, sabendo que nem todas são boas e não precisamos passa por elas, ou podemos antecipar possiveis ameaças e não passar por algum sofrimento que ja aprendemos antes.

Nenhum realista é burro!

(03-05-2016, 06:49 PM)Jaguar Paw Escreveu: [ -> ]Calma aí, rapaziada. yaoming

Continuamos morando em casas separadas e o Jaguar aqui já morou com quatro mulheres diferentes, xoxota não é novidade para mim.

O que está sendo novidade é a condução de um relacionamento sem a embriaguez da paixão.

Cada passo que dou é muito bem ponderado. Joinha:

Ela é divorciada e ainda não me ficou claro porque o seu casamento foi para o vinagre, ela dizia que foi por causa de que o ex era muito vida mansa, mas será que foi por isto mesmo?


O Jaguar Paw como veiáco, sabe onde tá se metendo.... Não vai passar para o nivel 2 sem ter a leitura correta do contexto. Ele vai continuar colhendo informações sobre a "Lúcia".

Citar:Na época da marmitagem, a Lúcia sabia ser bem chatinha. Será que se trata de uma instável emocionalmente ou aquilo era um estratagema para me manter afastado?

Não é porque ela se transformou em gata ronronante que será poupada de futuros testes.


" Segue o jogo! " (Leite, Milton)
Bom relato, Jaguar.

O mais importante de tudo você já disse: conduzir o relacionamento sem a cegueira da paixão. Sem idealizações.

Particularmente eu evitaria de me envolver (namoro) com uma divorciada. E pra te falar a verdade, você nunca saberá ao certo o porque da separação dela, só saberá que a culpa não foi dela yaoming.

Leve como esta levando, tomando suas decisões e atitudes proporcionalmente às decisões e atitudes dela. E conte pra gente o que puder ser contado.

Força e honra.
Jaguar, uma pergunta que eu sempre tive vontade de fazer e agora surgiu a oportunidade.

O fato de tu ser um quarentão, impede de tu seguir algumas recomendações aqui de muitos veteranos, como arranjar mulher casta, mais nova, com bom histórico e de boa índole?

Acho que essas recomendações devem ser vista com cuidados, pois um cara de 20 anos tem perpectiva de vida diversa de outro mais experientes (porque não, velhos....kkkkkkkkkkktrollface).
Jaguar sucesso nessa empreitada. O homem, realista ou não, só precisa fazer contas de somar e subtrair pra se dar bem em qualquer tipo de relacionamento ou negócio. Estou no lucro ? Bom. Estou no vermelho? Fecha as portas e parte pra outra. Simples assim.
(04-05-2016, 02:52 PM)Don Welzo Escreveu: [ -> ]
Mostrar ConteúdoSpoiler:

Welzo, a Lúcia é vinte anos mais nova do que eu.

Quanto ao restante, é melhor falar de mim, assim você entenderá melhor certas coisas. Sou filho de pais separados, minha mãe deixou o traste do meu pai quando eu ainda era bebê de colo; nem um ano, eu tinha. Mas, muito mais do que a separação deles, o que me marcou muito foi como o cafajeste do meu velho se envolveu com a terceira ''fixa'' dele.

A dita cuja, por sinal bem mais nova do que ele (se não me engano, uns dezessete anos), largou marido muito bem de vida e filha excepcional ainda nenê (e foi este detalhe que arrebentou a mente do garoto de 9/10 anos que eu era à época) para ir se foder na vida ao lado do escroto do meu pai.

Ou seja, desde muito cedo, eu vi bastante nojeira envolvendo ''uniões tradicionais'', ''casamento à moda antiga'' etc. Some a isto uma personalidade naturalmente irreligiosa e um bocado porralouca e você compreenderá os meus casos.

Abraços. Joinha:
Que trash Jaguar! "A vida como ela é."
(05-05-2016, 02:03 AM)Mandrake Escreveu: [ -> ]Que trash Jaguar! "A vida como ela é."

Grande Nelson Rodrigues!

Fuckyeah

Eu tinha (ainda tenho um pouco) aversão a ela, e era uma gata, loiraça, de família lituana e polonesa. Mas, por razões óbvias, raramente nos víamos.

Pelo que contam, nos últimos anos do meu pai, ela o corneou com um primo dele.

Não consigo escrever isto sem dar muita risada...

yaoming
(05-05-2016, 02:18 AM)Jaguar Paw Escreveu: [ -> ]
(05-05-2016, 02:03 AM)Mandrake Escreveu: [ -> ]Que trash Jaguar! "A vida como ela é."

Grande Nelson Rodrigues!

Fuckyeah

Eu tinha (ainda tenho um pouco) aversão a ela, e era uma gata, loiraça, de família lituana e polonesa. Mas, por razões óbvias, raramente nos víamos.

Pelo que contam, nos últimos anos do meu pai, ela o corneou com um primo dele.

Não consigo escrever isto sem dar muita risada...

yaoming

Com todo respeito confrade,sua relação com teu pai depois de mais velho melhorou?

E tai ate os cafas se fodem,trocou tua mãe pela mais nova,e como vc falou deve ter corneado ele.
Pelo menos os que conheço,fazem vários filhos nas novinhas,traem,mas se ferram no fim na mão de alguma.
(05-05-2016, 02:43 AM)Maldonado Escreveu: [ -> ]Com todo respeito confrade,sua relação com teu pai depois de mais velho melhorou?

E tai ate os cafas se fodem,trocou tua mãe pela mais nova,e como vc falou deve ter corneado ele.

Pelo menos os que conheço,fazem vários filhos nas novinhas, traem, mas se ferram no fim na mão de alguma.

Não, nem no enterro dele, eu fui.

Não era apenas bronca por ele ser um bosta, havia também uma forte antipatia entre nós dois.

Tenho amigos cafajestes, alguns deles são meus amigos há mais de vinte anos. O fato é que eu não suportava o meu velho e vice versa.

Mas ele teve o fim de todo cafajeste, fodido na vida, corno e sendo sustentado pela loira e pela filha que tiveram.
(05-05-2016, 02:43 AM)Maldonado Escreveu: [ -> ]
(05-05-2016, 02:18 AM)Jaguar Paw Escreveu: [ -> ]
(05-05-2016, 02:03 AM)Mandrake Escreveu: [ -> ]Que trash Jaguar! "A vida como ela é."

Grande Nelson Rodrigues!

Fuckyeah

Eu tinha (ainda tenho um pouco) aversão a ela, e era uma gata, loiraça, de família lituana e polonesa. Mas, por razões óbvias, raramente nos víamos.

Pelo que contam, nos últimos anos do meu pai, ela o corneou com um primo dele.

Não consigo escrever isto sem dar muita risada...

yaoming

Com todo respeito confrade,sua relação com teu pai depois de mais velho melhorou?

E tai ate os cafas se fodem,trocou tua mãe pela mais nova,e como vc falou deve ter corneado ele.
Pelo menos os que conheço,fazem vários filhos nas novinhas,traem,mas se ferram no fim na mão de alguma.

Meu velho está neste grupo. Passou a vida sendo um escravo de buceta; se desleixou no trabalho (mesmo tendo escritório montado duas vezes), não estudou porra nenhuma (mesmo tendo chance de cursar Direito), só pensava em foder. Minha mãe foi a terceira mulher dele (união estável, ele só casou de papel passado com a primeira). Tenho dois irmãos fruto desse relacionamento, mas o filho da mãe tem outros 9 confirmados e alardeava que seriam pelo menos 16 no total, incluindo as fodas de uma noite.

Saiu de casa há 7 anos, graças a Deus. Enquanto viveu conosco por 17 anos fez de nossa vida um inferno. Testemunhei todo tipo de agressões dele contra minha mãe, meu irmão e mesmo contra mim; bebia muito e tinha armas em casa. Imaginem um velho filho da puta enchendo o cu de cachaça, pegando o revólver no quarto, colocando em cima da mesa com quatro balas e riscando uma a uma com a faca, dando nome (essa pra mulher, essa pra um filho, essa pro outro); vivi isto dentro da minha casa.

Sem mencionar as vezes em que o vi colocar o .38 na boca da minha mãe e esbofeteá-la. Aquele miserável não vale um tostão furado.

Enfim, saiu de casa porque se meteu com uma mulher que conheceu em suas andanças. A diaba recém havia enterrado o marido (assassinado porque se meteu com uma guria menor de idade; o irmão dela o matou) e ela já estava colocando meu velho dentro de casa. Dessa união nasceram dois filhos. Última notícia que tive é de que ele havia se separado dessa mulher e estaria na merda.

Está pagando por tudo o que fez. Não desejo o mal pra ele, mas quero que viva longe de mim e dos meus. Não vou hesitar em meter um pé na bunda dele se nos procurar um dia.
Jaguar passo um momento parecido com o seu e também já morei com algumas mulheres 3, porém fico com pé atrás e reagir a qualquer sinal com desproporção ex ficção: machuca meu dedo corto o braço, estou há três meses porém as vezes fico me perguntando se vale mesmo se meter em mais uma situação, tô indo em frente teste em cima de teste. Ambos somos divorciados ela não tem filhos na verdade eu tenho filhas que nem me perturbam em nada. Ficamos muito bem quando estamos juntos quando cada um dorme na sua casa as vezes azeda um pouco e as vezes é bom me sinto bem também sem ela estar na minha casa ou eu na dela. Só que agora vai ter um evento a irmã dela vai casar no final de junho acho a irmã mimada pelo que ela conta e a criatura fez o cara aceitar casar na França, ela vai com certeza e eu até poderia ir não é a grana o problema o problema é meu trabalho que eu acaria perdendo uma semana pensei em ir mas depois desisti pois poderia ficar chato no trabalho ( mesmo sem risco de ser mandado embora) só que to achando esse negócio de casamento na França fantasioso e capricho da irmã dela vai ter família dela sei lá não quero participar disso e ficar mal no trabalho. Ela deve ficar 10 dias, o que acham de minha atitude em não ir e deixar rolar este evento?

Caraio Roland não tinha lido sua msg, pohha veio já vi muito e passei por situações complexas seu depoimento foi forte! tem que juntar muito equilíbrio para tocar o barco.

força e honra!
(02-05-2016, 12:58 AM)Jaguar Paw Escreveu: [ -> ]Como já disse aqui, faz um certo tempo, promovi a minha marmita a amante (tô velho demais para ter namorada yaoming), afinal ela fez, e tem feito, por merecer a promoção.

E como é o meu primeiro caso depois de me tornar um Realista, resolvi compartilhar algumas impressões sobre ele com os confrades.

A primeira é que está sendo o relacionamento mais prazeroso de minha vida, afinal sei o que esperar dela e, principalmente, por ter abandonado a esperança de encontrar a princesa encantada (esta ilusão nefasta e desumanizadora só serve para conduzir a decepções e estas, por sua vez, conduzem a males como a misoginia), tornei-me mais capaz de conduzir uma relação de forma pragmática e objetiva.

A segunda é que, agindo como expus acima, faço aflorar o que há de melhor na natureza da Lúcia (nome fictício).

A terceira é que sendo mais objetivo, mais pragmático e sem nutrir ilusões, passei a gostar mais do sexo feminino, passei a apreciar melhor o contato com elas.

Em suma, que este tópico sirva para calar a boca de quem diz que somos ''misóginos militantes''.

Ótimo relato Jaguar.

Notei a parte grifada também, depois que a real se tornou algo automático na minha vida. Você passa a apreciar mais a companhia feminina, as manias, jeito, etc., depois que retira as idealizações que talvez um dia teve. Antes eu ficava meio bravo com esse utilitarismo da mulher de sempre querer o melhor do bando. Hoje isso já não me incomoda mais.

Depois que vc retira o véu do romantismo, e compreende profundamente os conceitos da real, vc percebe que mulheres são seres humanos como nós realistas somos. Não as ve somente como um pedaço de carne movido única e exclusivamente por instintos, como um animal qualquer. Sua vida passa a ser mais leve, uma vez que entende isso e não espera nada de mulher nenhuma, simplesmente curte o que tem pra curtir.




(03-05-2016, 10:12 PM)cabraman Escreveu: [ -> ]
(03-05-2016, 07:13 PM)Jaguar Paw Escreveu: [ -> ]Juvenas e o seu medo de buceta... Z=yaoming

Elas não mordem, não. Fiquem sabendo.


yaomingtrollface

[2]

Abandonem os teclados, vão pra rua.

Os robozinhos da real sempre vão existir. Levam a real de uma forma tão fundamentalista e não percebem ou não querem ver que mulheres são pessoas também. Isso por ter uma visão obtusa, tacanha e rasa da vida, pois a vivem somente por meio das coisas que veem e leem da tela do computador. Tem medo de tudo e se julgam os espertões comparados com os que vão e descobrem as coisas por conta própria. Em suma, paspalhos covardes.

E estes são, curiosamente, os que vem com tópicos e perguntas mais imbecis e juvenis que alguém pode imaginar. Os fodões honrados que compartimentam as pessoas em caixas, que se sair uma vírgula do que é dito na teoria, esta já não prestará pra nada, assim, não absorvem nada de bom de ninguém e não agregam nada a ninguém, também. Inclusive aqui no fórum.
Um outro tópico também interessante sobre o primeiro relacionamento pós Real é o do confrade Tim Laflour, [Relato] A Real na prática: um relacionamento desde seu início, só que nesse caso é sob uma ótica muito diferente, pois o Tim é mais novo e com menos experiência em relacionamentos.
Cara cada historia trash! Jaguar e Roland vcs são nordestinos?! Pq esse tipo de historia cabulosa acontece mais por lá...
Páginas: 1 2 3