Fórum do Búfalo

Versão completa: Quanto me custou um sexo “grátis”
Você está vendo uma versão siplificada do nosso conteúdo. Ver versão completa com a formatação apropriada.
Páginas: 1 2 3 4 5 6 7 8

Há algum tempo eu estava com a idéia de fazer uma experiência para saber quanto eu teria que gastar com uma mulher para poder fazer sexo com ela, mas como quase sempre estava envolvido em algum relacionamento, nunca me sobrava tempo para fazer essa experiência da forma como deve ser, sem ninguém para atrapalhar e totalmente livre, sem ter que ficar me escondendo para trair, o que não é lá muito correto, pois uma vez que você assume um relacionamento, você deve ter em mente que não é lá muito honrado sair com outras mulheres.

Pois bem, relacionamento acabado, resolvi procurar um lanche em salas de bate papo na internet, obviamente uma gratuita, pois não sou assinante de nenhum provedor que tenha essas salas (e nem pretendo ser). Uma bela noite, sem ter o que fazer e entediado, entro na sala e em pouco tempo começo a dialogar com uma garota, que chamarei de Beatriz.

Uma das primeiras coisas que ela me perguntou foi onde eu morava. Respondi normalmente e ela me disse que morava em um interiorzinho a pouco mais de 100 km daqui. Pensei comigo que aquilo estava fadado ao fracasso, mas como estava entediado e as mulheres em sala de bate papo são muito disputadas, resolvi continuar conversando só para passar o tempo. A conversa começou a fluir, ela me adicionou no MSN e depois me deu o número do telefone dela. Eu tenho chips de 3 operadoras diferentes para economizar em ligações, mas o chip da operadora que ela usava (Tim) estava com os créditos expirados. Tive que gastar aí os primeiros R$ 12,00 para poder falar com ela. Depois de algumas conversas em dias alternados, marcamos um encontro. Ela estava bem interessada (mais do que eu até) e se dispôs a vir até a minha cidade para me conhecer.

Acabamos nos encontrando quase na hora do almoço, pois o ônibus em que ela estava viajando quebrou no meio do caminho e ela chegou um pouco mais tarde. Almoçamos (R$ 28,60), paguei o estacionamento (R$ 3,00) e fomos para um motel (R$ 36,00/3 horas de permanência). Mesmo ela dizendo que não transaria no primeiro encontro, eu tinha esperança de conseguir isso. Resultado: nada de sexo.

Como ela havia se deslocado mais de uma centena de quilômetros para me ver e deu a entender que no segundo encontro poderia rolar, resolvi chamá-la para sair mais uma vez. No dia seguinte fomos ao cinema (R$ 13,50), depois paguei o estacionamento (R$ 3,00) e fomos para um motel (R$ 69,00/pernoite + uma refeição) e finalmente consegui transar com ela.

Agora vamos aos cálculos:
Telefone: R$ 12,00
Estacionamento: R$ 6,00
Almoço: R$ 28,60
Cinema: R$ 13,50
Motel + consumo: R$ 105,00
TOTAL: R$ 165,10


Conclusão: o meu sexo “grátis” custou R$ 165,10. Isso sem contar a gasolina, que não tive como mensurar, e o que se gasta com roupas para estar bem vestido e dar uma boa impressão, mas isso eu já gasto independentemente de ir sair com alguém ou não. Só estou salientando isso porque se você for sair com uma GP, não precisará estar elegante. A vantagem é que agora eu posso convidá-la diretamente para o motel e ir somente para a permanência de algum motel um pouco mais barato e será a única coisa que gastarei nas próximas trepadas. Se fosse uma GP, cada trepada teria o seu “cachê” à parte, em compensação não teria todo esse ritual até chegar aos “finalmentes”.

Ficou uma dúvida em relação a alguns itens que são importantes para comparação. Qual o nível de beleza dessa guria? Quantos anos ela tem? Dias após o sexo como ficou a relação entre vocês? E, claro, como foi o sexo?
cada vez que eu ouvia um valor me veio a mente este som








[Imagem: PQAAAFn51lEHFXOJQE96J29Avsz0HbF1AyYBQCkr...HILeCs.jpg]


Uma dúvida: na primeira vez tu pagou o motel e não comeu? Como foi isso?
Você tem que contar também aí os dois dias gastos, e paciência. Realmente não existe sexo grátis
(31-01-2012, 05:37 PM)barão_kageyama Escreveu: [ -> ]Uma dúvida: na primeira vez tu pagou o motel e não comeu? Como foi isso?

Já ia perguntar a mesma coisa.
(31-01-2012, 05:52 PM)Smith Escreveu: [ -> ]
(31-01-2012, 05:37 PM)barão_kageyama Escreveu: [ -> ]Uma dúvida: na primeira vez tu pagou o motel e não comeu? Como foi isso?

Já ia perguntar a mesma coisa.


A mulher aceita ir até o motel, pra só então dizer que não dá no primeiro encontro???????? facepalm:

Já era motivo prum pé na lomba sem piedade!

Voltando ao assunto custo, até que você foi bem comedido e gastou pouco!

Tem mulher que não aceita menos que um almoço/jantar numa boa cantina italiana, ou churrascaria de ponta. Só aí já iria mais do que você gastou na jornada toda.

Só de lembrar dos meus tempos de Matrix, eu enjoo... Mas ainda vou postar um relato sobre meus gastos com essas piriguetes!
Até entendo esse fato de levar a mina pro motel no primeiro encontro e não comer. Nada mais é do que o bom e velho bitch shield.

A meu ver, é uma maneira delas testarem o grau de afobação/necessidade do cara. Se o Gekko tivesse sido insistente demais, ficasse com birra ou mendigando sexo, ela ia rir por dentro e encaminhá-lo pra friendzone rapidinho...

Mas como ele teve sangue frio, ela deu pra ele (literalmente!) uma segunda chance, que na verdade, foi a primeira oportunidade real pra comê-la. Ele não vacilou e mandou a bola pra dentro da rede! Big Grin

Alguns podem até reprovar tal atitude, que ele deveria ter dado logo um pé na bunda dela, etc... mas como homens racionais que somos, temos que pensar dois ou três passos à frente, como numa boa partida de xadrez. Se ele acabou comendo sem grandes custos nem chateações, o investimento até que foi interessante!

(31-01-2012, 07:37 PM)John Romano Escreveu: [ -> ]Até entendo esse fato de levar a mina pro motel no primeiro encontro e não comer. Nada mais é do que o bom e velho bitch shield.

A meu ver, é uma maneira delas testarem o grau de afobação/necessidade do cara. Se o Gekko tivesse sido insistente demais, ficasse com birra ou mendigando sexo, ela ia rir por dentro e encaminhá-lo pra friendzone rapidinho...

Mas como ele teve sangue frio, ela deu pra ele (literalmente!) uma segunda chance, que na verdade, foi a primeira oportunidade real pra comê-la. Ele não vacilou e mandou a bola pra dentro da rede! Big Grin

Alguns podem até reprovar tal atitude, que ele deveria ter dado logo um pé na bunda dela, etc... mas como homens racionais que somos, temos que pensar dois ou três passos à frente, como numa boa partida de xadrez. Se ele acabou comendo sem grandes custos nem chateações, o investimento até que foi interessante!

Exatamente. É por ir com muita sede ao pote que alguns caras acabam se ferrando. Se uma mulher perceber que você está desesperado para comê-la, automaticamente ela vai pensar que você não tem outra alternativa mais interessante (ou que não tem nenhuma alternativa) e você não terá valor algum diante dela, o que praticamente eliminará suas chances de conseguir um bom sexo. Ela ficará feito uma pessoa que balança um pedaço de carne bem no focinho de um cachorro faminto e quando o mesmo tenta abocanhar, ela afasta a carne. Em certos momentos é melhor deixar passar uma oportunidade de transar e passar a imagem de que comê-la ou não faz pouca diferença para você, pois dessa forma ela sentirá que não representa muito e te compensará com generosidade na cama para tentar competir com as outras que você com certeza come por aí (nem que seja só na cabeça dela).

(31-01-2012, 04:55 PM)Carlos Escreveu: [ -> ]Ficou uma dúvida em relação a alguns itens que são importantes para comparação. Qual o nível de beleza dessa guria? Quantos anos ela tem? Dias após o sexo como ficou a relação entre vocês? E, claro, como foi o sexo?

Bunda: 10
Peitos: 8
Pernas: 9
Cintura: 10
Quadris: 10
Rosto: 7
Qualidade do sexo: 8

A relação continua aberta para um novo encontro, dessa vez indo diretamente para o motel e comendo sem burocracia. Nada de compromisso, apenas uma foda que tende a virar fixa por uns dias.

(31-01-2012, 05:42 PM)Rus Escreveu: [ -> ]Você tem que contar também aí os dois dias gastos, e paciência. Realmente não existe sexo grátis

A paciência é que é a maior desvantagem. Mas vejam bem, agora eu vou comê-la gastando quase nada. Se fosse uma profissional, a cada vez que fosse comer teria que repetir todo o gasto novamente.

(31-01-2012, 05:52 PM)Smith Escreveu: [ -> ]
(31-01-2012, 05:37 PM)barão_kageyama Escreveu: [ -> ]Uma dúvida: na primeira vez tu pagou o motel e não comeu? Como foi isso?

Já ia perguntar a mesma coisa.


Barão, Smith, só de levar a vadia para o motel no primeiro encontro já é de certa forma um feito. Vejam bem, eu convenci uma mulher que veio do interior e me conheceu pela internet, sem nenhum amigo em comum, sem nenhuma informação ao meu respeito, a montar na garupa da minha moto e ir para um motel comigo após um almocinho em um shopping e menos de uma hora de conversa. Claro que joguei aquele velho caô de "vamos lá só para ficar mais à vontade". Às vezes cola, às vezes nem tanto. É assim mesmo. Lembrem-se de que não é tão simples quanto combinar o preço com uma GP e ir comer, pagar e dar no pé.
Bem, no fim até q não foi tão ruim assim. Mas q vacilou, vacilou. Poderia ter jogado o caô do "dá ou desce" Big Grin

Como Tom Leykis (acompanhem a série!) ensina, sempre use alcool pra "amaciar a carne". Com uns 15 conto a mais poderia ter faturado de cara.
(31-01-2012, 08:52 PM)barão_kageyama Escreveu: [ -> ]Bem, no fim até q não foi tão ruim assim. Mas q vacilou, vacilou. Poderia ter jogado o caô do "dá ou desce" Big Grin

Como Tom Leykis (acompanhem a série!) ensina, sempre use alcool pra "amaciar a carne". Com uns 15 conto a mais poderia ter faturado de cara.

Essa estratégia de dar bebidas a uma mulher para transar com ela eu nunca usei e nem pretendo, pois não quero dar margem alguma para que a mesma me acuse de abuso ou algo assim. Em tempos de leis misândricas, todo cuidado é pouco. Não sei como ele aconselha isso mesmo morando nos EUA, onde o feminazismo é mais forte do que aqui, sei lá, talvez nesse ponto específico a legislação de lá pegue mais leve com o homem. O fato é que no Brasil vaginante, se uma mulher te acusar de ter feito sexo com ela enquanto a mesma estava alcoolizada, você pode até não ser condenado, mas que vai te dar um monte de dor de cabeça, isso vai. E talvez umas pregas a menos no rabicó se chegar a passar algum dia preso.

Minha intenção com este tópico era só mostrar quanto foi necessário gastar com uma mulher comum até chegar a ter sexo com ela. Eu nunca fui nenhum Dom Juan de Marco nem nenhum Casanova para conquistar mulheres com tanta facilidade. As mulheres que transaram comigo no primeiro encontro foram poucas, não é o que ocorre na maioria das vezes, pelo menos não comigo.

Talvez a maioria dos senhores saiba do que estou falando, ou talvez não. Talvez alguns de vocês conheçam uma mulher hoje e já consigam fazer sexo com ela hoje mesmo. Outros com certeza não. O fato é que para mim, sexo no segundo encontro já está bom demais.

Como o Leykis fala, vc tem q usar a parada até no ponto de deixar ela "alegre", nunca alcoolizada. Só fazer ela se soltar o suficiente pra te mamar hahaha

E lá as leis são ainda piores, ele msm fala q é pra tomar cuidado pra não ir longe demais. "Beba com moderação". Big Grin


No mais, eu entendi perfeitamente a proposta do tópico sim e ele só reforça o q eu acho: no fim uma "oficial" muitas vezes irá sair mais barato q uma civil. Tou pegando no pé neste lance do motel pq meu instinto sovina deu um pulo qdo li q vc pagou motel e não comeu. Mas se comeu depois, de boa. Big Grin

(31-01-2012, 09:17 PM)barão_kageyama Escreveu: [ -> ]Como o Leykis fala, vc tem q usar a parada até no ponto de deixar ela "alegre", nunca alcoolizada. Só fazer ela se soltar o suficiente pra te mamar hahaha

E lá as leis são ainda piores, ele msm fala q é pra tomar cuidado pra não ir longe demais. "Beba com moderação". Big Grin


No mais, eu entendi perfeitamente a proposta do tópico sim e ele só reforça o q eu acho: no fim uma "oficial" muitas vezes irá sair mais barato q uma civil. Tou pegando no pé neste lance do motel pq meu instinto sovina deu um pulo qdo li q vc pagou motel e não comeu. Mas se comeu depois, de boa. Big Grin

O meu instinto sovina também doeu um pouco nessa hora, mas como gosto de analisar a coisa pelo viés econômico, no fim das contas somando o que ainda vou gastar para comê-la mais algumas vezes com o que gastei para comê-la pela primeira vez e dividindo pelo número de trepadas, até que vai sair bem mais barato que comer uma profissional. Profissional às vezes só sai mais barato se for para comer somente uma vez. Se for para ficar comendo, uma civil bem trabalhada acaba saindo mais em conta.

Meu próximo desafio será encontrar mais uma e comer gastando menos que isso. kkkkkkkk. Mas por enquanto vou aproveitar o investimento de tempo e dinheiro que fiz nessa para derramar mais um óleozinho, pois se fosse para ficar só nisso não valeria à pena.

Fico pensando aqui, o Gekko deu sorte até com essa parada de internet. Geralmente essas salas de bate papo são LOTADAS de manginas dando em cima da mulher (que na maioria das vezes nem é mulher de verdade) e raramente elas se interessam em conhecer um dos babacas. Mas claro que o Gekko é um búfalo reprodutor ae não teve jeito pra ela, rss
(31-01-2012, 11:49 PM)Smith Escreveu: [ -> ]Fico pensando aqui, o Gekko deu sorte até com essa parada de internet. Geralmente essas salas de bate papo são LOTADAS de manginas dando em cima da mulher (que na maioria das vezes nem é mulher de verdade) e raramente elas se interessam em conhecer um dos babacas. Mas claro que o Gekko é um búfalo reprodutor ae não teve jeito pra ela, rss

Que nada Smithão, as internetes são uma fonte inesgotável de vadias pra sexo casual! Eu mesmo já consegui umas minas que se tornaram lanchinhos por um bom tempo!

Salas de bate-papo, redes sociais (Badooooo hahahah) e até mesmo os tão malfadados "sites de encontro" são bons ambientes de caça, basta ter paciência e continuar jogando a rede... Uma hora você pesca um peixão!
(31-01-2012, 08:39 PM)Gekko Escreveu: [ -> ]
(31-01-2012, 04:55 PM)Carlos Escreveu: [ -> ]Ficou uma dúvida em relação a alguns itens que são importantes para comparação. Qual o nível de beleza dessa guria? Quantos anos ela tem? Dias após o sexo como ficou a relação entre vocês? E, claro, como foi o sexo?

Bunda: 10
Peitos: 8
Pernas: 9
Cintura: 10
Quadris: 10
Rosto: 7
Qualidade do sexo: 8

A relação continua aberta para um novo encontro, dessa vez indo diretamente para o motel e comendo sem burocracia. Nada de compromisso, apenas uma foda que tende a virar fixa por uns dias.

A curto prazo relação desvantajosa. Isto é, se comer a vadia apenas uma vez. A longo prazo é mais vantajoso traçar civil do que puta, mas se ela não ficar no pé ou algo assim, e, claro, se ela não vir com outras frescuras que façam gastar dinheiro também.

Sorte a sua de conseguir descolar algo em bate papo, na região daqui, 60% da sala é boiola caçando macho, 15% são lésbicas, 15% é casal sobre se muito uns 10% de mulheres em que 8% são gordas ou balzacas a procuras de CSP's.
Páginas: 1 2 3 4 5 6 7 8