Fórum do Búfalo

Versão Completa: [Relato] Ela Queria Relacionamento Aberto.
Esta é uma versão reduzida do nosso conteúdo. Ver versão completa com o formato adequado.
Páginas: 1 2 3
(18-04-2018, 08:00 PM)Jaguar Paw Escreveu: [ -> ]O fato é que ela foi pilantra e fez você de otário, ou seja, esqueça esta criatura o quanto antes.

Já vim pra esse tópico direto nessa última postagem pra ver como andam os paranauês... Só pelo título do tópico e por esse post já vi que esse é mais um tópico de merda. Vou nem caçar ler o post inicial.
- De novo, King?

- Primeiro, o relato da ex. Em seguida, querer marmitar uma ex das antigas para "desapegar". E agora essa. Tá feia a coisa velho, eita carência dos infernos. Já até imagino a cena: "Momo, meu cachorro morreu Cry ".  (facepalm )

- Enquanto você ficar nessa de procurar mamãe em supostas namoradas, vai levar esses 'chapéus' aê.

- Em resumo, mais um episódio dê: "Mulheres procurando pica, e os "homens modernos", amor."

- No fim, dá nessas merdas aê.
Na próxima ele relata a tentativa de curar uma lésbica.
Gente, cês tão zuando demais o novato. Eu junto com o Tim sou um dos poucos a achar que o cara teve uma atitude correta? Tá, teve uns apegos alí, outros acolá, alguma burrada de leve, coisa normal, mas porra, deem um desconto pro cara. Ele terminou e foi seguir a vida, não foi stalkear ela em redes sociais ou correr atrás dela apegadinho.

Tava marmirtando, normal. 4 meses é um tempo bom pra uma marmita vencer. Ela ficou com outro cara e ele caiu fora? Ótimo. Quem saiu no lucro foi ele. Se livrou de uma bomba, ou melhor dizendo... A bomba se desarmou por si mesmo. O cara vai ter um pé de realidade agora que ver que a garota não serve pra se relacionar e pronto. Vida que segue para os dois.

Agora a lição é mais pra mim e para outros, já que o cara não cobrou nada e só seguiu.


Tinha umas indiretinhas, mas se não assumiu namoro, meu filho, já era. Meu caso da atual não é muito diferente tirando o fato que tanto vai tanto vem que decidi assumir logo namoro com a guria, assim que começou o falatório nas famílias e as indiretas dela (cidade pequena, é a melhor escolha mesmo...).

Tem mulher que não consegue ficar sozinha, acho que deve ser insegurança ou pra se amostrar pras amigas da faculdade que não está encalhada, sei lá. Já notei uma ou duas coisinhas que estou de olho, e se ela pisar fora da faixa, vou estar com a razão do meu lado. Não adianta cobrar nada se não tem relacionamento nenhum.

Agora digo mais, vou te dar a dica de como estou gerenciando bem esse relacionamento e mantendo as coisas em dia: Só vejo ela uma ou duas vezes no fim da semana, quando dá. Você precisa de tempo e espaço pra você.

Namorei uma guria perto de casa e vivia lá na casa dela. Pra se apegar e também pra desgastar o relacionamento foi muito rápido. Em suma, deu merda.

A guria atual morar mais longe é uma bênção divina disfarçada.
Saiba gerenciar seu tempo, assim dá tempo pra cabeça racionalizar melhor o que acontece e você se corrigir através da reflexão no resto dos dias da semana.
Meu homem marmito está morto. Achas que tem o que é preciso pra esmagar a minha rata? Quero trombolone e não uma relação
(19-04-2018, 05:44 PM)Digons Escreveu: [ -> ]Meu homem marmito está morto. Achas que tem o que é preciso pra esmagar a minha rata? Quero trombolone e não uma relação

Isso aqui já tá virando arte, confrades kkkkk ;'D'D
(19-04-2018, 05:00 PM)Wild Escreveu: [ -> ]
Mostrar ConteúdoSpoiler:

Tem mulheres que não conseguem ficar solteiras mesmo, isso é fato. Essas geralmente só fazem trocar o namorado por outro, raramente ficam sozinhas. Elas se sentem muito inseguras sozinhas.

Sobre o lance de querer ver ela direto, isso é o que mais fez essa marmita azedar. Confesso que minha vontade era ver ela todo final de semana, para ficar transando loucamente, dai eu sempre ficava chamando ela.

Dai ela começou a furar comigo nos finais de semana sempre inventando desculpas, nessa ultima conversa comigo ela confessou isso, me falou que precisava do tempo dela que eu estava tomando todo, porque ela estuda durante a semana e só tem o final de semana para sair.

Conversando com um outro Confrade amigo meu na vida real, ele me falou que eu sou muito possessivo, não estou namorando a menina e quero que ela fique só comigo, quero ver ela direto, fico cobrando.

Esse é um erro que ja cometi com outras mulheres recentemente de formas diferentes. Vou corrigir isso urgente, estou buscando o caminho para isso!
(19-04-2018, 03:25 PM)Senna Escreveu: [ -> ]Na próxima ele relata a tentativa de curar uma lésbica.

No ápice das minhas atitudes ''geniais'' eu tentei fazer uma maconheira largar a droga e dava conselhos como pai a ela dizendo para estudar e que ela não merecia o que estava fazendo consigo mesmo. 
E o mais engraçado é que eu achava mesmo que isso ia dar certo.  facepalm
Caiu no conto da "ficante-exceção", ela é linda, e não se faz de difícil, começa como uma correspondência mútua, rola aquela empatia, conversa fácil, e compreensão de lado a lado.

É quando tudo dá certo então, parece que chegou a hora de que é tão bom pra ser verdade, por que não ser uma namorada, alguém pra dividir o caminho ? Porém então se dá conta que você era mais um no carteado, nada especial, o castelo de cartas caiu.

Nutrir expectativas é a raiz do apego, e este começou em se esperar que ela, uma vagaba imoral, fosse transformar-se num porto seguro emocional, ela mesmo se atentou a esse apego e mudou as regras do jogo.
(19-04-2018, 06:29 PM)King Wolf Escreveu: [ -> ]Tem mulheres que não conseguem ficar solteiras mesmo, isso é fato. Essas geralmente só fazem trocar o namorado por outro, raramente ficam sozinhas. Elas se sentem muito inseguras sozinhas.

Sobre o lance de querer ver ela direto, isso é o que mais fez essa marmita azedar. Confesso que minha vontade era ver ela todo final de semana, para ficar transando loucamente, dai eu sempre ficava chamando ela.

Dai ela começou a furar comigo nos finais de semana sempre inventando desculpas, nessa ultima conversa comigo ela confessou isso, me falou que precisava do tempo dela que eu estava tomando todo, porque ela estuda durante a semana e só tem o final de semana para sair.

Conversando com um outro Confrade amigo meu na vida real, ele me falou que eu sou muito possessivo, não estou namorando a menina e quero que ela fique só comigo, quero ver ela direto, fico cobrando.

Esse é um erro que ja cometi com outras mulheres recentemente de formas diferentes. Vou corrigir isso urgente, estou buscando o caminho para isso!
Cara, meu problema com a anterior era bem maior pois eu/ela queria que nos víssemos toda brecha que aparecesse. Se fosse o caso, todo dia. Estou dando graças por essa ser só uma ou duas vezes por semana. Pra mim é um santo alívio.

Agora ao contrário da antiga que nunca queria sair ou sequer vir na minha casa (problemas para explicar em outro relato, nada a ver com a minha casa, eu sempre tendo que ir >especificamente< na casa dela toda santa vez.) a atual a gente divide as idas. Tem vez que vou lá, principalmente quando vamos sair juntos, e vez que ela vem aqui pra casa (especialmente quando tem filminho e uns pegas mais pesado), equilibrando as coisas.

Vou às vezes lá, e tem vez que é ela que vem pra cá. É meio que um compromisso estabelecido. Vantagens da abordagem? Estou com a razão do meu lado por supostamente estarmos num relacionamento onde há "igualdade". Se ela não quiser vir, problema dela. Eu faço minha parte de ir lá às vezes, então posso até exigir se eu quisesse, mas nem isso é preciso.

Se ela não quiser vir, tiro meu tempo pra ir ler, assistir, ouvir, jogar, conversar com os amigos... Se ela achar ruim, é só eu perguntar "Queria me ver? Então por que não veio aqui?". E sigo a vida de boa, fazendo minhas coisas, daí que ela me vê se ela quiser... Se um dia ela começar com frescura de não quiser vir mais, vai estar bem claro que não quer mais nada comigo ou está de teste idiota pro meu lado, então é ultimato/pé na bunda.

Moral da história: Não ceda demais, nem exija demais, faça apenas que ela vá no mesmo ritmo que você (o qual você deve manter domínio). Ex.: Vai muito na casa dela? Peça o mesmo, equilibre o jogo, faça com que ela se esforce um pouco pra estar com você. Mas sem ser possessivo, ou, pelo contrário, ser muito capacho (coisa que já fui). Não faça demais as vontades dela também, puxe a situação pro seu lado, onde você possa manter algum controle.

Se ela não quiser seguir a regra/o fluxo, então também nem corra atrás da dita cuja. Se ela caga e anda pra o que você faz ou fala, ou para o compromisso estabelecido, pague sempre na mesma moeda, com correção monetária. Se ela perguntar o que foi você já deve ter a resposta pronta na ponta da língua. Só NUNCA caia nos extremos de ser capacho ou ser possessivo.

Tudo o que você fizer ela tem que estar disposta a fazer equivalente. E olha que isso é só pra não ser tirado de otário servente ou  apegadinho mandão da guria, não é garantia nenhuma de mais nada. Depois devo fazer um mega-relato explicando melhor minhas histórias e talvez você tire algo de bom disso.

E antes que venham os confrades, sim, estou namorando (grande bosta kkkk), não estou me lascando (no momento kkkk) e aproveitando para me atualizar na Real ao mesmo tempo. Pra alguns falar que se tem uma namorada é quase um tabu por aqui (já que os caras tem a premissa de que se o cara tá aqui é porque deu merda), então posso dizer que muita coisa mudou pra melhor com a melhora na minha postura com as mulheres. E agora quero registrar o que aprendi.
Faça isso mesmo @Wild, compartilha a experiencia conosco!

No mais, agradeço os conselhos, foi de grande valia!
(17-04-2018, 10:37 AM)King Wolf Escreveu: [ -> ]porque dizia gostar de mim de verdade, que eu era um cara especial na vida dela, que eu era muita areia pro caminhão dela, e que eu poderia transar com outras mulheres também mesmo ela não gostando disso.

Se ela falou isso, tá na cara que ela te vê como um cara imaturo que talvez não conseguisse lidar com rejeição. Mulher nenhuma diz essas mentiras na cara dura sabendo que o cara não tem tempo e nem saco pra besteira.

Provavelmente você é muito emotivo e - pior - demonstra isso.
(20-04-2018, 12:39 PM)Denis Carvalho Escreveu: [ -> ]
(17-04-2018, 10:37 AM)King Wolf Escreveu: [ -> ]porque dizia gostar de mim de verdade, que eu era um cara especial na vida dela, que eu era muita areia pro caminhão dela, e que eu poderia transar com outras mulheres também mesmo ela não gostando disso.

Se ela falou isso, tá na cara que ela te vê como um cara imaturo que talvez não conseguisse lidar com rejeição. Mulher nenhuma diz essas mentiras na cara dura sabendo que o cara não tem tempo e nem saco pra besteira.

Provavelmente você é muito emotivo e - pior - demonstra isso.

Que relação uma coisa tem com a outra?

Não peguei essa.
(20-04-2018, 02:11 PM)NideW Escreveu: [ -> ]
(20-04-2018, 12:39 PM)Denis Carvalho Escreveu: [ -> ]Se ela falou isso, tá na cara que ela te vê como um cara imaturo que talvez não conseguisse lidar com rejeição. Mulher nenhuma diz essas mentiras na cara dura sabendo que o cara não tem tempo e nem saco pra besteira.

Provavelmente você é muito emotivo e - pior - demonstra isso.

Que relação uma coisa tem com a outra?

Não peguei essa.

Pense assim: 

Quem iria chegar no trabalho e falar "olha aqui rapaziada, tô ganhando um salário muito alto nessa empresa, vou trabalhar em outro lugar que pague menos"? É isso que ela disse quando falou "você é muita areia pro meu caminhão".

Isso não existe e ninguém em sã consciência vai tomar uma atitude dessa. Ninguém vai falar "porra, olha só, essa pessoa é a pessoa mais foda do mundo, ela merece alguém melhor". Nunca.

Ela falou isso porque ela sabe que se disser o que ela está sentindo - e o que ela sentiu é a perda total da atração por ele quando viu ele se tornar ultra-emotivo - ela vai ter que lidar com os sentimentos dele e ela quer evitar isso. Em geral é muita pressão pra uma mulher ter que lidar com sentimentos masculinos.

Então ela dá essa desculpas porque ela ACHA que ela deveria se sentir atraída por um cara que demonstra suas emoções da forma como ele demonstrou... e ela pensa isso porque ela vê filmes onde os caras são assim e todas as mulheres ficam super apaixonadas por esses caras.. mas quando isso acontece na vida real, isso confunde a mente dela e faz ela sentir falta de um homem masculino.

Provavelmente nem ela está totalmente consciente dos sentimentos dela. Provavelmente ela, na cabeça confusa dela, acha que é verdade a desculpa que ela deu. No fim é uma desculpa honesta porque ela acredita nessa desculpa.

Mas a verdade é que ela simplesmente começou a sentir essas emoções e agiu em cima das emoções. Não é à toa que ela foi buscar justamente sexo com outros caras, porque ela estava carente de energia masculina.
(20-04-2018, 05:54 PM)Denis Carvalho Escreveu: [ -> ]
Mostrar ConteúdoSpoiler:


Grande Denis, ja tinha lido algumas coisas no teu site uma vez, muito bom!

Realmente concordo muito com teu comentário, não faz sentido uma pessoa considerar a outra boa demais para ela, e por tanto querer ir atras de outras pessoas.

No começo ela tinha uma atração muito forte por mim, e eu era bem mais desinteressado por ela, foi só ela virar o jogo que as coisas começaram a desandar. Grande vacilo meu, percebi isso e em vez de me afastar um pouco continuei atrás dela, e demonstrando ciumes, preocupação e insegurança. Dai foi só questão de tempo para ela comprovar o meu apego e dar no que deu!

Ela até foi bem sincera comigo, também acredito que ela mesma não entende bem essas coisas ma cabeça dela, apenas se sentiu muito pressionada e perdeu o tesão. Nessa mesma ultima conversa, ela me falou que se a gente transasse sempre que possível, ela iria querer se jogar em outros caras.

De qualquer forma eu agindo da forma que agi, ou agindo da forma correta dosando o desinteresse e tudo mais, essa era uma relação com data de validade, por se tratar de uma modernete. Eu só fiz a marmita vencer mais cedo do que deveria.

A essas horas ela já está pensando no São João e em outras festas e machos, pois ela é bem festeira.
Denis , belo blog. Não conhecia. Parabéns pela iniciativa.
@Denis Carvalho muito bom o seu Blog!Interessante o tópico da disfunção erétil e sua causa!
(20-04-2018, 06:52 PM)King Wolf Escreveu: [ -> ]
(20-04-2018, 05:54 PM)Denis Carvalho Escreveu: [ -> ]
Mostrar ConteúdoSpoiler:


Grande Denis, ja tinha lido algumas coisas no teu site uma vez, muito bom!

Realmente concordo muito com teu comentário, não faz sentido uma pessoa considerar a outra boa demais para ela, e por tanto querer ir atras de outras pessoas.

No começo ela tinha uma atração muito forte por mim, e eu era bem mais desinteressado por ela, foi só ela virar o jogo que as coisas começaram a desandar. Grande vacilo meu, percebi isso e em vez de me afastar um pouco continuei atrás dela, e demonstrando ciumes, preocupação e insegurança. Dai foi só questão de tempo para ela comprovar o meu apego e dar no que deu!

Ela até foi bem sincera comigo, também acredito que ela mesma não entende bem essas coisas ma cabeça dela, apenas se sentiu muito pressionada e perdeu o tesão. Nessa mesma ultima conversa, ela me falou que se a gente transasse sempre que possível, ela iria querer se jogar em outros caras.

De qualquer forma eu agindo da forma que agi, ou agindo da forma correta dosando o desinteresse e tudo mais, essa era uma relação com data de validade, por se tratar de uma modernete. Eu só fiz a marmita vencer mais cedo do que deveria.

A essas horas ela já está pensando no São João e em outras festas e machos, pois ela é bem festeira.

Interessante você falar isso, pois no meu relacionamento aqui eu comecei ignorando ela quando a gente se conheceu. Hoje em dia ela meio que cobra que eu seja mais romântico, demonstre meus sentimentos e tal (sou horrível pra demonstrar isso sem ser meloso), mas já conheço essa armadilha diabólica: a partir do momento que eu me mostrar mais sentimental demais, estou tirado pra escanteio, ou até pior: banco de reserva. É meio nessa corda bamba que o cara vive, não pode demonstrar ser frio demais, tampouco sentimental demais. O bom de conversar com você é que eu fico martelando melhor isso e não erro o passo aqui. Duas observações rápidas:

1. A luta do cara é só pra manter o relacionamento o máximo de tempo que der, seja marmita, namoro, casamento. Só que normalmente quem dá o prazo final é a própria mulher, faça ela alguma besteira forçando nossa atitude (ex.: traição, provocação, etc.) ou quando ela simplesmente dá um pé na bunda da gente sem nem olhar pra trás, nos colocando no já referido banco de reservas. Dificilmente um homem não-cafajeste teria motivos pra terminar um relacionamento.

2. Presta atenção que nem as mulheres se entendem direito, elas são totalmente confusas: querem um cara romântico, meio que por convenção social. Mas quando tem um, começam a se cansar dele sem nem entender por quê. Da boca pra fora rejeitam os cafajestes e condutas destes, de novo por causa de conversinha e medo do zum zum zum (convenção social), mas sentem algum tipo de estranha admiração por eles. Não se engane, a mente das mulheres é um caos. E como elas mesmos não se entendem nem os princípios que regem seu comportamento é que nunca devemos acreditar no que elas falam.

E que nem os caras falaram, isso da pressão também é verdade. Tem muita mulher que não tá nem aí ou até não aguenta mesmo uma carga de pressão emocional forte vinda do cara. (Num caso de luto ou doença/acidente grave de um parente um cara pode abrir uma exceção segundo N.A.). Digo isso por que convivi com uma garota que me ouvia em tudo (a vida dela era bem pior, por isso a gente se solidarizava na tristeza kkkkk ), mas essa atual é de uma vibe completamente diferente.

De toda forma, mostrar fraqueza, especialmente emocional, é fatal. A partir do momento que você viu ela como um refúgio ou porto seguro pra compartilhar seus problemas, meu amigo, você está eliminado.
O ideal é que seja sempre o contrário, ela que venha contar da vida dela, e você falar o mínimo possível sobre você.
Ela me falou que começou a se afastar de mim porque eu dei muita prioridade para ela"

Você ficou ainda 3h conversando tentando entender cara...
Você deveria ter dito isso : Ótimo, mas combinemos uma coisa, você nunca ouviu falar meu nome e nunca me viu, não me procure, boa sorte na sua jornada.

Pronto seguia sua vida.
Páginas: 1 2 3