Fórum do Búfalo

Versão Completa: Tópico do governo Bolsonaro (acompanhamento)
Esta é uma versão reduzida do nosso conteúdo. Ver versão completa com o formato adequado.
Páginas: 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33
Problema é ele tretando com o maia, ai o cara ja quer barrar a reforma da previdencia.
A imprensa br é tão desprezível que eles preferem manter o status quo dos corruptos do q pelo menos fechar o cu e ver no que dá.

Não é a toa q tão sempre perdendo espaço, até msm o Felipe Mercenário Brasil já tá perdendo espaço
Grande negócio feito pelo governo no que tange os aeroportos, valor extremamente acima dos estabelecidos pré leilão.

Também fico no aguardo da privatização dos CUrreios e de maior facilidade nas importações.
O que acontece atualmente é uma sodomização brutal com quem importa algum objeto. E pior, tudo na cara dura, premeditado.

Já na questão da mídia e congresso, é aquilo que esperávamos desde o início: guerra.
(25-03-2019, 10:37 AM)barãozin Escreveu: [ -> ]A imprensa br é tão desprezível que eles preferem manter o status quo dos corruptos do q pelo menos fechar o cu e ver no que dá.

Não é a toa q tão sempre perdendo espaço, até msm o Felipe Mercenário Brasil já tá perdendo espaço

A imprensa é só uma ferramenta de um mecanismo maior,

Quem não ganha para falar bem, ganha para falar mal e quem não conseguiu, vai detonar o governo como puder para que uma hora ou outra ele ceda, isso é padrão.

Embora pareça que exista ideologia envolvida, não tem, a oposição que também tem caixa vai querer fazer da vida do novo governo um inferno, prejudicando governabilidade ao máximo, envenenando o povo através dos meios de imprensa para que chegue para população apenas os aspectos ruins do que o presidente está fazendo.

Já a imprensa, que de uma forma ou outra sempre foi comprada pelo antigo governo através da verba federal que esses grupos recebiam para falar bem

Pelo que tenho visto pelo Brasil, o mesmo está acontecendo com vários governos, municipais, estaduais e federais que foram eleitos através de apoio espontâneo da população sem a necessidade da compra de votos e apoio.

Todos os partidos, deputados, senadores e envolvidos diretamente só querem saber:

O Que eu ganho com isso?

Governos anteriores mal acostumaram através de propinas, mensalão, ministérios, cargos em estatais, secretarias que se tornavam cabides de empregos e com apoio desses partidos e políticos o governo fazia o que queria, aprovava sem dificuldades enquanto sangravam essas instituições para manter a máquina lubrificada e funcionando a seu favor.

Quem não está ganhando dinheiro, cargos, etc, vai pelo menos complicar ao máximo para ganhar protagonismo, como o viado do Rodrigo Maia e do Davi Alcolumbre para que o crédito da passagem da reforma fique com eles.

Libera o cu ai vaaaai? Likeaboss

nããão  Z=

Libera vai! ;'D'D

nããão.   Z=

Libera que senão não te ajudo com a reforma. Oco

Tá bom, só na portinha. delícia
O que acho curioso são os mesmos repórteres, como a Míriam Leitão, que reclamavam do 'Toma lá dá cá', agora acharem ruim o presidente tentar não fazer isso (mas convenhamos, essa parte da política NÃO TEM JEITO).
É a primeira vez na vida que eu acompanho as notícias de um Governo torcendo pra ele dar certo, e isso nos faz ver as coisas de uma perspectiva bastante diferente, o que está óbvio é que o jornalismo tem praticamente pronto uma miscelânea de críticas e "soluções" pro que eles enxergam como problema seja lá qual seja a medida tomada, nunca se teria uma intersecção do que a maioria deles quer. O melhor exemplo é o Reinaldo Azevedo, ele que torceu pro Alckmin só critica o Bolsonaro e possivelmente faria o mesmo se fosse o PT no governo, só mudaria as críticas. Creio que ele é a síntese da maioria dos jornalistas da grande mídia.

Por isso o melhor é nem acompanhar...infelizmente é hábito de muitos, e eu não sou exceção entrar nesses sites dos grandes jornais de modo automático, vou me policiar pra parar com isso de vez e me informar principalmente com os Pingos nos Is, Alexandre Garcia e outros que considero sérios. E o que irá definir o sucesso do Governo? É aquela frase "É a Economia estúpido", se as reformas forem feitas e a Economia crescer o Governo será um sucesso, todos os outros pontos são importantes, concordo, mas é a Economia que manda. Veremos.
(25-03-2019, 03:01 PM)Dartagnan Escreveu: [ -> ]O que acho curioso são os mesmos repórteres, como a Míriam Leitão, que reclamavam do 'Toma lá dá cá', agora acharem ruim o presidente tentar não fazer isso (mas convenhamos, essa parte da política NÃO TEM JEITO).

O Toma lá dá cá é a essência da política e muitos desconhecem que a mídia leva muita verba publicitária do governo, algo que o Bolsonaro atacou fortemente na campanha e provavelmente já deva estar mirando esse corte, tanto que aquele ministro que caiu e o bolsonaro disse no áudio que ele tinha recebido representantes da globo no planalto, rotulando como "inimigo" e tenho recebido informações com muita alegria informações que lideres partidários tem tentado negociar cargos, verbas e até mesmo propina por apoio e estão recebendo porta na cara, por isso vários partidos que foram base de apoio na eleição hoje estão metendo pau nele na mídia.

Isso acontece como já falei em outras vezes em tantas outras instâncias, desde um jornal local que recebe para falar bem do prefeito até a grande mídia recebendo grandes somas para falar bem ou derrubar, por isso não se deve acreditar piamente no que publicam, pois a favor da situação ou oposição ou simplesmente para extorquir, eles manipulam opinião pública com maestria, se o bolsonaro sem querer pisar no rabo de um cachorro vão falar que ele tortura animais ou se ele estacionar na vaga de deficientes, vão falar que ele mata velhinhas.

Infelizmente o jogo é esse, a política evoluiu para ser feita dessa forma, e se o bolsonaro não jogar o jogo com certeza enfrentará um governo truncado, dividido e dificilmente conseguirá passar seus projetos com facilidade.

Cedo ou tarde ele vai ter que ceder e começar abrir o governo para que os partidos tenham espaço ou começarão as famosas pautas bomba, judicialização, enfim.
Até o momento Bolsonaro está fazendo um excelente trabalho.

O que empaca são os outros políticos, só querem fazer as coisas quando tem ""ARTICULAÇÃO"", estão cagando para a população, Figueiredo já comentou sobre isto na entrevista abaixo a partir de 0:47.

(25-03-2019, 08:21 PM)O Mentor Escreveu: [ -> ]O Toma lá dá cá é a essência da política

Infelizmente o jogo é esse, a política evoluiu para ser feita dessa forma, e se o bolsonaro não jogar o jogo com certeza enfrentará um governo truncado, dividido e dificilmente conseguirá passar seus projetos com facilidade.

Cedo ou tarde ele vai ter que ceder e começar abrir o governo para que os partidos tenham espaço ou começarão as famosas pautas bomba, judicialização, enfim.

Esse é o jogo nessa várzea que é o Brasil. Me cite 1 país de primeiro mundo onde precise o Presidente ou 1º ministro ter que fazer esse troca-troca digno de casa de swing? Problema no Brasil  é muito cacique pra poucos índios. Onde tu ver um Gênio da economia, como Guedes, que é ministro, tentar aliviar na matemática e ter jogo de cintura para que uns pangarés como Kajuru(olha só!) um outro que criou o X-bolsonaro, Frota e tantas outras aberrações que só existem por aqui, para tentar ser aprovada.

O cara pra ser Gari da comlurb precisa ter ao menos o ensino fundamental e escrever uma redação. E deputados federais, junto com o senado, os maiores representantes do poder legislativo, muita das vezes não sabe uma raiz quadrada.

Ou seja, são alguns caciques controlando umas amebas que ganharam imunidade parlamentar e que são incapazes exercerem o cargo. São alguns poucos políticos que na verdade tem em mãos mais do que apenas seu voto por direito. Políticos massa de manobra, só existe nessa jabuticabeira que é o Brasil.

É patético o Presidente não ter autonomia, mesmo tendo 56 milhões de votos. Onde suas decisões precisam ser aprovadas por uma banca de dePUTAdos que somando tudo, não dá a metade disso ai.

Precisa ter uma reforma política. Mas nunca terá, pois para ter, precisa ser aprovada pelos políticos.... Se eu fosse Bolsonaro ia na canetada mesmo e que se foda. Vai tudo no decreto e se vire nos 30.
(25-03-2019, 09:05 PM)Berlin Escreveu: [ -> ]Precisa ter uma reforma política. Mas nunca terá, pois para ter, precisa ser aprovada pelos políticos.... Se eu fosse Bolsonaro ia na canetada mesmo e que se foda. Vai tudo no decreto e se vire nos 30.

Como dizem por aí: gente de caráter não quer saber de se envolver com política.

Pode fazer quantas reformas forem, os mesmos mal intencionados darão o primeiro passo para se candidatar, já pensando em quais vantagens vão tirar. Chega a ser cultural. Sei que é clichê, mas já esta enraizado na mentalidade do brasileiro que política serve pra se tirar vantagem, ter vida fácil.

Quando teus parentes folgados exaltam a figura do funça, eles estão fazendo a mesma coisa, mas em menor escala. Querem uma teta estatal para tirar vantagem e assim por diante. Nas próprias relações interpessoais é a mesma coisa, sempre pensando em ganhar alguma coisa.

Por essas e outras que acredito que reduzir o estado é o caminho. Quanto menos poder na mão de políticos, melhor.
Esse modelo de política exite em outros países do mundo, em maior ou menor intensidade, bem visto como no caso do lobby dos setores no congresso americano, mal visto como no caso da corrupção brasileira.

Faz parte do ser humano, o que difere é a cultura, as leis.

No fundo quem está lá busca basicamente duas coisas:

- PODER
- DINHEIRO

Salvo os idiotas úteis que vão para servir a um propósito ideológico, é tudo teatro.

Então hoje são raros os casos das pessoas que vão para política com a real intenção de mudar o país, ajudar as pessoas, podem até ter essa intenção ou transmitir essa boa vontade na época de campanha, mas no fundo estão indo atrás de poder, dinheiro, influência, lucro, cabide de empregos e tudo que fazem é objetivando uma continuidade, permanência.


Então quando um projeto polêmico, que vai dar notoriedade ao presidente cai na mão de um deputado ou de uma bancada de um partido qual a primeira coisa que ele pensa?

Nossa, realmente se não mudarmos isso o Brasil vai quebrar lá na frente...

Não!

O QUE EU GANHO COM ISSO?

COMO ISSO VAI ME AJUDAR A PERMANECER AQUI POR MAIS UM MANDATO?

COMO POSSO EXTRAIR MAIS BENEFÍCIOS?

Então talvez nos outros países o jogo de interesses é mais explícito, até mesmo legalizado em alguns casos, criminalizado em outros, mas existe em todo canto onde o ser humano coloca a mão, se reorganiza mas não morre.


Nem sonhe que uma reforma política irá acontecer no sentido de dar mais autonomia a um presidente tirando poder do congresso.
(25-03-2019, 09:05 PM)Berlin Escreveu: [ -> ]Precisa ter uma reforma política. Mas nunca terá, pois para ter, precisa ser aprovada pelos políticos.... Se eu fosse Bolsonaro ia na canetada mesmo e que se foda. Vai tudo no decreto e se vire nos 30.

Justamente para o PR ficar limitado o poder de atuação dos decretos é limitado.
Na prática, o Bolsonaro vai tem que achar um jeito de trabalhar com os congressistas sem virar um pau mandado.
No Brasil, presidente não governa sem Congresso Nacional, vide Dilma e Temer. Enquanto ele molhou a mão do Parlamento pra se segurar no cargo, ela foi eliminada pelas manobras do Cunha (e também pelas ruas).
Paulo Guedes agora, na comissão do senado explicando a reforma. E até agora, se saindo muito bem em seus pontos.

Se vão aceitar....outros 500, claro....
(27-03-2019, 06:02 PM)Dartagnan Escreveu: [ -> ]Paulo Guedes agora, na comissão do senado explicando a reforma. E até agora, se saindo muito bem em seus pontos.

Se vão aceitar....outros 500, claro....

Ele podia desenhar que o resultado é o mesmo: eles querem propina/cargos.
Mermão, eu iria conversar com toda casta superior infecta , Renans, Maias e afins. E gravaria tudo em áudio e vídeo. Apos uns 6 meses, ia ter material pra derrubar essa curriola toda.
O ministro Guedes, ao lado do Moro, são as duas balizas que dão ''prumo'' ainda pro governo JB, mesmo com toda a mídia e oposição vigilantes - e militantes, como nunca antes em épocas de mensalão, que coisa não? - e por vezes tweets desnecessários de seus herdeiros e ''fogo amigo'' do PSL.

Só faltou desenhar um gráfico na parede da Comissão de Assuntos Econômicos do Senado.

E segue, algo que a grande mídia não vai querer informar sobre esse governo que ''vive de tweeter'' em vez de governar o país... Pois é mais fácil {ou conveniente} pro JN fazer eco pra abobrinha de político ladrão.

[Imagem: D2tiR6-XcAEX58r?format=png&name=900x900]
Esse pessoal do PSL tá um pouco deslumbrado...ninguém sabia sequer o nome desse partido antes do Bolsonaro e agora já tão botando as garras de fora...

Meu realismo cético me diz que talvez essa parte ruim da nossa política nunca se conserte....mas essa é uma janela de oportunidade que raramente temos. Se tem uma hora pro povo se mobilizar e apoiar o presidente é agora.
é capaz de não passarem a reforma, pra tentar arrumar uma brecha pra pedir impeatchment ou mesmo fazer bolsonaro perder força pra 2022.
a midia descaradamente passa o dia querendo passar a imagem que o governo ta um caos, que tudo vai dar errado, aumentando divergências comuns de uma democracia a níveis astronomicos dignos do mensalão, os noticias de boas ações do bolsonaro aparecem numa publicaçãozinha de madrugada pra ninguém ver.
basicamente nada de novo, mas eu fico enojado com o que tentam fazer com o cara, talvez por isso ele tem a minha simpatia.
Uma coisa que estamos pouco acostumados a fazer é pressionar os deputados do Congresso ao invés de só o presidente. Na página do MBL tem email do Kataguiri e outros lá pra sugestões. Ele melhorou bastante os vídeos de um tempo pra cá.
1. MBL é um "PT da direita"

2. O Brasil é muito grande pra dar errado, porém muito grande pra dar certo

3. Bolsonaro não vai salvar o Brasil, mas é (muito) melhor que comuna/socialista no poder

4. querem suas vidas melhores, se virem.

vlw flws
Páginas: 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33