Fórum do Búfalo
Blog do Stephen Kanitz - Versão de Impressão

+- Fórum do Búfalo (http://forum.bufalo.info)
+-- Fórum: Seja bem vindo! (http://forum.bufalo.info/forumdisplay.php?fid=6)
+--- Fórum: Materiais Realistas (http://forum.bufalo.info/forumdisplay.php?fid=10)
+--- Tópico: Blog do Stephen Kanitz (/showthread.php?tid=2036)



Blog do Stephen Kanitz - Dick tracy - 07-11-2012

Pessoal,eu estava agora no blog do vida ruim de pobre do pobretão e estavam comentando desse blog

http://blog.kanitz.com.br/2012/11/poligamia-%C3%A9-um-costume-de-rico.html?cid=6a0105357d1a47970b017d3d576fd0970c#comment-6a0105357d1a47970b017d3d576fd0970c

Achei bem interessante esse blog,não deixem de visitar.....


RE: Blog do Stephen Kanitz - John Romano - 07-11-2012

Gostei do artigo, e concordo com ele.
Aliás, "pool genético" é uma terminologia especializada e extremamente útil pra explicar um monte de coisas. Pesquisem!


RE: Blog do Stephen Kanitz - Petulante - 07-11-2012

Leu os outros artigos? O cara pensa fora da caixinha.. só isso a dizer...

Exemplo: http://casamentos.melhores.com.br/2012/03/adcas-10-o-que-nos-faz-humanos.html#more


RE: Blog do Stephen Kanitz - John Romano - 07-11-2012

Só com essa frase, ele já ganhou mais a minha simpatia:

Citar:Rose Marie Muraro, é mais do que taxativa, "homem é egoísta, mulher é altruísta”.
Uma frase ofensiva aos homens, o que provavelmente era a intenção da autora, mas que não se justifica no mundo acadêmico, pautado como deveria ser na ciência.



RE: Blog do Stephen Kanitz - Mestre Laveley - 07-11-2012

O blog é bom; mas notei um erro nesse artigo, o termo "poligamia serial" não existe, o termo correto seria "monogamia serial".


RE: Blog do Stephen Kanitz - Vincent - 07-11-2012

Incrível que na real pelo foco ser maior nas ações das mulheres não vemos as injustiças que homens velhos fazem com os mais novos. Focamos mais em betas e alfas e esquecemos esse fator importantíssimo.
Lembro que no colégio ficava revoltado quando via um calvo de 30 e poucos anos pegando uma colega de 16, hoje isso pra mim é normal e natural eu já não sou adolescente e quero mulheres novas. Mas a verdade é que nós mesmos damoso continuidade a essa injustiça com os mais novos, e essa verdade passa quase que despercebida.

Mas no fundo isso é a dinamica natural do mercado sexual, revoltante pro jovem cheio de testosterona e impaciencia, mas se ele superar as estatisticas de mortalidade juvenil masculina é capaz de colher bons frutos quando for adulto.


RE: Blog do Stephen Kanitz - Free Bird - 07-11-2012

(07-11-2012, 09:05 PM)Vincent Escreveu: Incrível que na real pelo foco ser maior nas ações das mulheres não vemos as injustiças que homens velhos fazem com os mais novos. Focamos mais em betas e alfas e esquecemos esse fator importantíssimo.
Lembro que no colégio ficava revoltado quando via um calvo de 30 e poucos anos pegando uma colega de 16, hoje isso pra mim é normal e natural eu já não sou adolescente e quero mulheres novas. Mas a verdade é que nós mesmos damoso continuidade a essa injustiça com os mais novos, e essa verdade passa quase que despercebida.

Mas no fundo isso é a dinamica natural do mercado sexual, revoltante pro jovem cheio de testosterona e impaciencia, mas se ele superar as estatisticas de mortalidade juvenil masculina é capaz de colher bons frutos quando for adulto.
Injustiça?
Eu agradeço os tioszãos que pegavam minhas colegas de classe, jogavam a Real na minha cara desde pequeno. Aprendi o que realmente importa pra elas graças a esses caras.
Além disso, remédio pra burro velho é capim novo!



RE: Blog do Stephen Kanitz - Coach Man - 07-11-2012

(07-11-2012, 09:05 PM)Vincent Escreveu: Incrível que na real pelo foco ser maior nas ações das mulheres não vemos as injustiças que homens velhos fazem com os mais novos. Focamos mais em betas e alfas e esquecemos esse fator importantíssimo.
Lembro que no colégio ficava revoltado quando via um calvo de 30 e poucos anos pegando uma colega de 16, hoje isso pra mim é normal e natural eu já não sou adolescente e quero mulheres novas. Mas a verdade é que nós mesmos damoso continuidade a essa injustiça com os mais novos, e essa verdade passa quase que despercebida.

Mas no fundo isso é a dinamica natural do mercado sexual, revoltante pro jovem cheio de testosterona e impaciencia, mas se ele superar as estatisticas de mortalidade juvenil masculina é capaz de colher bons frutos quando for adulto.

É exatamente isso, eu também procuro mulheres bem mais novas que eu.

Eu tive essa percepção ainda na matrix, e ja relatei aqui em algum lugar, perdido nesse forum. Ainda na matrix, no final da adolescencia, eu tive a percepção desse mercado sexual. E usei dele ao meu beneficio.


RE: Blog do Stephen Kanitz - Mestre Laveley - 07-11-2012

(07-11-2012, 09:05 PM)Vincent Escreveu: Incrível que na real pelo foco ser maior nas ações das mulheres não vemos as injustiças que homens velhos fazem com os mais novos. Focamos mais em betas e alfas e esquecemos esse fator importantíssimo.
Lembro que no colégio ficava revoltado quando via um calvo de 30 e poucos anos pegando uma colega de 16, hoje isso pra mim é normal e natural eu já não sou adolescente e quero mulheres novas. Mas a verdade é que nós mesmos damoso continuidade a essa injustiça com os mais novos, e essa verdade passa quase que despercebida.

Mas no fundo isso é a dinamica natural do mercado sexual, revoltante pro jovem cheio de testosterona e impaciencia, mas se ele superar as estatisticas de mortalidade juvenil masculina é capaz de colher bons frutos quando for adulto.

Se vc estudar um pouco de biologia, veras que essa é uma dinâmica vista na maioria dos mamíferos e nos primatas:

As fêmeas amadurecem sexualmente mais cedo que os machos e se relacionam com os machos mais velhos primeiro.

Pq?

Pq se os machos amadurecessem tão cedo quanto as fêmeas, teriam que competir por elas com os machos mais velhos, que são mais fortes e experientes.... seriam massacrados.

Já se perguntou pq tem cara que só vai começar a pensar em mulher e sexo lá pelos 19~20 anos e tem menina de 11 anos já gravida???

É por causa disso, pra evitar o infanticídio.

Se isso não ocorresse, é bem possível que nossa espécie já estaria extinta.


RE: Blog do Stephen Kanitz - John Romano - 09-11-2012

(07-11-2012, 10:56 PM)Mestre Laveley Escreveu: Se vc estudar um pouco de biologia, veras que essa é uma dinâmica vista na maioria dos mamíferos e nos primatas:

As fêmeas amadurecem sexualmente mais cedo que os machos e se relacionam com os machos mais velhos primeiro.

Pq?

Pq se os machos amadurecessem tão cedo quanto as fêmeas, teriam que competir por elas com os machos mais velhos, que são mais fortes e experientes.... seriam massacrados.

Já se perguntou pq tem cara que só vai começar a pensar em mulher e sexo lá pelos 19~20 anos e tem menina de 11 anos já gravida???

É por causa disso, pra evitar o infanticídio.

Se isso não ocorresse, é bem possível que nossa espécie já estaria extinta.

Aparentemente, faz bastante sentido.
Vou refletir e pesquisar mais sobre esse aspecto. Gostei desse ponto de vista.


RE: Blog do Stephen Kanitz - Petulante - 09-11-2012

(07-11-2012, 09:15 PM)Bufallo Reprodutor Escreveu: Além disso, remédio pra burro velho é capim novo!

Essa frase é bem presente no meu vocabulário! Sensacional ter lido ela aqui no fórum!




RE: Blog do Stephen Kanitz - Petulante - 09-11-2012

(09-11-2012, 12:31 PM)John Romano Escreveu:
(07-11-2012, 10:56 PM)Mestre Laveley Escreveu: Se vc estudar um pouco de biologia, veras que essa é uma dinâmica vista na maioria dos mamíferos e nos primatas:

As fêmeas amadurecem sexualmente mais cedo que os machos e se relacionam com os machos mais velhos primeiro.

Pq?

Pq se os machos amadurecessem tão cedo quanto as fêmeas, teriam que competir por elas com os machos mais velhos, que são mais fortes e experientes.... seriam massacrados.

Já se perguntou pq tem cara que só vai começar a pensar em mulher e sexo lá pelos 19~20 anos e tem menina de 11 anos já gravida???

É por causa disso, pra evitar o infanticídio.

Se isso não ocorresse, é bem possível que nossa espécie já estaria extinta.

Aparentemente, faz bastante sentido.
Vou refletir e pesquisar mais sobre esse aspecto. Gostei desse ponto de vista.

Concordo que faz sentido, mas acredito ser o tema algo muito complexo para poder se resumir nisso. Hoje em dia tá em moda esse tipo de racionalização com base no "homem das cavernas". (grifo meu, e sentido figurado total)


RE: Blog do Stephen Kanitz - John Romano - 09-11-2012

(09-11-2012, 04:47 PM)Petulas Escreveu:
(09-11-2012, 12:31 PM)John Romano Escreveu:
(07-11-2012, 10:56 PM)Mestre Laveley Escreveu: Se vc estudar um pouco de biologia, veras que essa é uma dinâmica vista na maioria dos mamíferos e nos primatas:

As fêmeas amadurecem sexualmente mais cedo que os machos e se relacionam com os machos mais velhos primeiro.

Pq?

Pq se os machos amadurecessem tão cedo quanto as fêmeas, teriam que competir por elas com os machos mais velhos, que são mais fortes e experientes.... seriam massacrados.

Já se perguntou pq tem cara que só vai começar a pensar em mulher e sexo lá pelos 19~20 anos e tem menina de 11 anos já gravida???

É por causa disso, pra evitar o infanticídio.

Se isso não ocorresse, é bem possível que nossa espécie já estaria extinta.

Aparentemente, faz bastante sentido.
Vou refletir e pesquisar mais sobre esse aspecto. Gostei desse ponto de vista.

Concordo que faz sentido, mas acredito ser o tema algo muito complexo para poder se resumir nisso. Hoje em dia tá em moda esse tipo de racionalização com base no "homem das cavernas". (grifo meu, e sentido figurado total)

Mas partindo-se do pressuposto que existe evolução das espécies, o raciocínio (e não racionalização) a partir do homem das cavernas é perfeitamente válido.

Já somos anatomicamente assim há aprox. 200.000 anos e agimos como humanos há aprox. 50.000 anos. A civilização suméria (considerado o mais antigo povo da história) data de pouco mais de 5.000 anos.

Então somos "civilizados" em apenas 5.000 anos num espaço de mais de 200.000! Diante de todo esse tempo, o quanto representa a civilização humana? E a civilização ocidental? O quanto representa no todo? Um piscar de olhos!

Somos "civilizados" apenas como uma fina camada de tinta em cima da nossa ogridão. O que há embaixo dessa camada, ainda é extremamente primitivo e selvagem.

Mesmo a nossa tão incrível racionalidade ainda é influenciada pelos hormônios, pela estrutura cerebral e corpórea, pelo agir dos anos no corpo, etc, etc.

Não dá pra achar que saímos das cavernas e deixamos lá tudo o que nos formou como somos hoje.


RE: Blog do Stephen Kanitz - Vincent - 09-11-2012

(09-11-2012, 05:51 PM)John Romano Escreveu: Mas partindo-se do pressuposto que existe evolução das espécies, o raciocínio (e não racionalização) a partir do homem das cavernas é perfeitamente válido.

Já somos anatomicamente assim há aprox. 200.000 anos e agimos como humanos há aprox. 50.000 anos. A civilização suméria (considerado o mais antigo povo da história) data de pouco mais de 5.000 anos.

Então somos "civilizados" em apenas 5.000 anos num espaço de mais de 200.000! Diante de todo esse tempo, o quanto representa a civilização humana? E a civilização ocidental? O quanto representa no todo? Um piscar de olhos!

Somos "civilizados" apenas como uma fina camada de tinta em cima da nossa ogridão. O que há embaixo dessa camada, ainda é extremamente primitivo e selvagem.

Mesmo a nossa tão incrível racionalidade ainda é influenciada pelos hormônios, pela estrutura cerebral e corpórea, pelo agir dos anos no corpo, etc, etc.

Não dá pra achar que saímos das cavernas e deixamos lá tudo o que nos formou como somos hoje.

A mudança de hoje para o tempo das cavernas no homem não é expressiva. Olha pra juventude de hoje, os jovens de modo geral parecem não mais se importar com o futuro, passam horas jogando videogames como zumbis viciados, a pornografia é onipresente em suas vidas, na sociedade reina a devassidão somada a facilidade de se conseguir prazeres sexuais, o que matem a massa (homens) em estado de letargia permanente. Ou seja se os homens não produzem, a civilização como nos a conhecemos está em franco declinio.

Quando falamos em sair da caverna, falamos em sair da zona de conforto. É abrir mão dos prazeres imediatos ao passo que se almeja bens maiores num futuro improvavel. Olha os índios por exemplo, vivem num estado de poligamia, ninguem sabe quem é pai de quem, tanto que cabe ao irmão da mãe a função paterna. A facilidade em ter prazer sexual confere pouco incentivo para que eles busquem aprimorar-se em alguma coisa. É como diz Mises: Toda ação humana é fruto de um desconforto. Os índios se deixados por conta própria não sofrem qualquer tipo de desconforto.
Nós ao sairmos da caverna decidimos dormar o lado animal, fundamos a civilização com a criação do matrimonio, dificultamos ao máximo o acesso sexual do homem, vestimos as mulheres com roupas que lhes escondiam tudo (burka?) e deixava apenas a mostra a face. O homem agora tinha que ser alguem para poder-se casar, ou seja, para suprir a sua urgência sexual com uma mulher ele teria que ser capaz o bastante para se apresentar a famílida da noiva e ser selecionado como digno de casamento. Isso significa dizer que a civilização canaliza a líbido masculina para a produção de riquezas úteis para a sociedade(sistemas conhecimentos, técnicas, artes, artefatos). Basta dizer que as instituições são predominantemente ocupadas por homens porque foram os homens que as criaram, pois era do interesse dos próprios homens garantir o sistema o qual lhe garantia o status social (quanto maior, mais pontos no mercado sexual), mas também lhe conferia a oportunidade de ter uma mulher pra si e a certeza de que os filhos dela seriam também seus filhos.
Todavia nos nossos dias... os incentivos para que o homem seja produtivo e busque status são mínimos, os homens podem disputar pelas melhores mulheres, se assim desejarem, mas há sempre uma parcela de mulheres marginalizadas que estão dispostas a satisfazer sexualmente sem cobrar nada, são as feias, gordas e estranhas(creepy) em geral, mulheres que dão pra qualquer mediano. Com a vulgarização da mulher atual e a constante propraganda de que a infidelidade conjugal é "comum" e até normal, os incentivos diminuem ainda mais para que um jovem deseje ter para-si uma família, ainda mais se este jovem em questão for filho de pais divorciados.
Concluindo o pensamento: nós saimos da caverna pra pegar um pouco de ar, porém na atual situação nós estamos retornando aos poucos para dentro da caverna. A civilização entra em colapso porque os sistemas de idéias que a mantinham entraram em colapso: *religião e moral*. Sem os incentivos e sem perspectiva de melhora os homens não "agem" e a civilização simplesmente desaba sobre o próprio peso. É irreversível.

Que peso? as ficções inventadas como: amor, paixão, retidão moral, bem comum, contrato social, deuses, vida após a morte etc. Eu falo em ficção, não porque tais coisas são inexistentes, mas sim porque elas somente existem se houver crença na sua existencia, a única exceção seria Deus que não precisa do homem, mas todo o resto precisa ser aceito e cultuado pela totalidade. Hoje esses valores mencionados são totalmente redicularizados, a nossa sociedade vive as custas do bizarro profano. Basta olhar o Femen que se destaca apenas por mostrar os seios, ou a Lady Gaga que veste roupas não apenas folclóricas mas também grotestcas como vestidos de carne. Olhem para qualquer progama na TV e vera o indivíduo que é reto e moral sendo ridicularizado como otário, aqueles que adoram a Deus são tidos como retrogados.
Com isso nos deparamos, e na medida em que conservamos um pouco da nossa civilização, nos horroziamos, com "a verdadeira natureza humana desprovida de moral."


@Mestre Lavely e John Romano - A disciplina que vocês estão buscando deve ser: Psicologia Evolucionista Nessahan Alita usava PE pra falar da natureza profana das "espertinhas". Essa também é a disciplina que estuda o mercado sexual.


RE: Blog do Stephen Kanitz - John Romano - 09-11-2012

Vincent, ótima contribuição. Concordo plenamente com seu ponto de vista.

E sobre a psicologia evolutiva, eu já li a respeito. Apenas mencionei o aspecto idade x desenvolvimento sexual porque achei interessante e pretendo pesquisar mais a respeito.



RE: Blog do Stephen Kanitz - Free Bird - 09-11-2012

Vincento, muito bom seu texto.

Nota-se ainda mais a importância da Real, pois faz com que os homens honrados saiam dessa rodinha de hamster de desenvolvimento científico e cultural em troca de sexo para uma coisa mais superior, onde trabalhamos e desenvolvemos a sociedade objetivando apenas realização pessoal como homens.


RE: Blog do Stephen Kanitz - Petulante - 10-11-2012

Entendo John, é perfeitamente plausível isso tudo. É que hoje em dia tá quase tudo, sendo explicado dessa maneira.

Outro dia vi um cara falar em um vídeo do youtube que o homem gosta de ver tv, porque na época das cavernas ele gostava de ver a fogueira queimando a noite.

Mesmo assim, vou tentar ler um pouco mais sobre pscicologia evolutiva. quem sabe sai um coelho dessa cartola.


RE: Blog do Stephen Kanitz - A6M Zero - 21-06-2017

UP nesses textos fantásticos.

Vou dar uma olhada nesse blog. Preciso diversificar meus estudos.