Fórum do Búfalo
Dois casos distintos: Meu irmão e meu amigo betas - Versão de Impressão

+- Fórum do Búfalo (http://forum.bufalo.info)
+-- Fórum: Mulheres/Feminazismo/Relacionamentos (http://forum.bufalo.info/forumdisplay.php?fid=4)
+--- Fórum: Geralzão da Real (http://forum.bufalo.info/forumdisplay.php?fid=8)
+--- Tópico: Dois casos distintos: Meu irmão e meu amigo betas (/showthread.php?tid=5015)



Dois casos distintos: Meu irmão e meu amigo betas - Jef - 13-11-2013

Há dois homens muito proximos a mim, que estão passando por situações mto parecidas mas ao mesmo tempo bem diferentes.
Um deles é o um dos meus irmãos. Tem 27 anos, está fazendo uma pos e é formado em economia. Tem tudo para se dar bem financeiramente: é trabalhador, dedicado, estudioso. E está ha uns dois anos namorando uma mulher que conheceu na faculdade e ha uns 6 meses morando com ela.
Não vejo ele muito seguido porque mora em outra cidade. Porém, semana retrasada fomos eu e minha mãe visita-lo e tive um choque muito grande. Fazia uns dois anos que nao o via e quase uns 5 anos que nao moro com ele. Ele nao mudou nada, e esse é exatamente o problema. Quem mudou fui eu, depois de conhecer a real. E notei coisas muito ruins: linguagem corporal ruim, tom de voz fino ao falar com algumas pessoas, nao lidera o namoro... enfim, um verdadeiro beta. Percebi que ele pergunta a opiniao da namorada demais, nao toma as decisoes sozinho, se tornou um cara muito "certinho" e "de familia" (os dois vivem saindo com os familiares da guria). E as coisas que ele fala dá a entender que eles vao ficar juntos para sempre. facepalm:
Complicado. Eu até me questionei como ele arranjou uma namorada. Depois fiquei sabendo que ela é de uma cidade pequena do paraná e cresceu num colegio so de gurias. Ok, isso ajuda. Mas tb nao sou trouxa o suficiente para achar que ela é uma mulher excessão.
Não estou pegando no pé do meu irmao. Estou postando isso porque estou preocupado porque a situação ta feia mesmo. A tendencia é ele tem grandes problemas no futuro, principalmente com a namorada e com mulheres em geral. Provavelmente vai ser aquele cara bem sucedido e inteligente, mas que vai se foder na mão das mulheres.

E estou com as mãos atadas nessa historia toda. Não posso sair falando pra ele como se portar e oq fazer com mulheres. Sou irmao mais novo e tb perdemos um pouco da nossa intimidade nos ultimos anos. E ele sempre foi meio nerd estudioso e que nao saia de casa quando moravamos juntos. O foda vai ser ter que ficar apenas olhando as coisas acontecerem.


E o outro cara é um grande amigo meu. Um dos melhores amigos que tive.
Como convivo com ele há uns 4 anos, conversavamos bastante sobre mulheres. Ele sempre foi beta, gordo baixinho e que nao pega mulher... mas parecia ter uns pensamentos alfas. Eu disse parecia.
Há uns 8 meses ele conheceu uma mina no trampo dele. Feia pra caralho, diga-se de passagem. E desde então largou quase que totalmente os amigos de mão. Porra, ele era um dos que mais levantava a bandeira dizendo que mulher nao é tao importante, nao da pra levar elas a serio, feminazismo é hipocrita etc. Daí foi so achar uma buceta que o cara faz tudo ao contrario. Ele até tem uma postura meio alfa e tal, mas é so ver os dois juntos que chega a dar pena: a mina MANDA nele. Fala grosso, xinga, resmunga... enfim, comanda a relação.
Complicado. Por isso que eu digo que há homens que NÃO MERCECEM conhecer a real. Conheco um outro tb. Um baita dum beta, que eu ja tive varios papos cabeça com ele sobre a real, apresentei Nessahan pra ele (que por sinal, ele disse que so leu até metade. Porra o cara que tem o Nessahan nas mãos e so le ate a metade tem mais é CORTAR AS BOLAS), mas que no final pega todo esse conhecimento e joga fora. Ele ja teve a cara de pau de dizer que não conseguia deixar de ligar pra uma mina porque "o sentimento é mto forte". Mas enfim, esse é outro caso. Esse cara nao é so trouxa por isso, ele é um ser humano trouxa no geral mesmo. Até to evitando de sair com ele ultimamente.

É, acordei meio revoltado hj. Mas creio que as minhas ideias ficaram claras no topico. Há homens que simplesmente nao tiveram a "sorte" de conhecer a real, mas há tb os que chegam a não merecer conhece-la. A tendencia desses dois casos é os dois se foderem no futuro. E creio que há milhares de casos parecidos com esses por ai.

Abraco a todos

Jef.


RE: Dois casos distintos: Meu irmão e meu amigo betas - Senna - 13-11-2013

É confrade, vou deixar aqui minha opinião.

Quanto ao seu irmão realmente não há nada a fazer, pois são raros os homens que conhecem a Real estando em um relacionamento que ao ver deles é satisfatório.

Quanto ao seu amigo mandado pela mulher, pode ser que ele venha desabafar com você em algum momento, aí é a hora que você pode tentar ajudar ele, mesmo assim acho que só um PNB o deixaria receptivo aos ensinamentos da Real.

Já o que conheceu Nessahan e não aplicou, esse sabe onde procurar, você não precisa falar mais nada.


RE: Dois casos distintos: Meu irmão e meu amigo betas - Mc_lovin - 13-11-2013

No máximo envie o material da real para eles por email, alguns só aprendem se fudendo.


RE: Dois casos distintos: Meu irmão e meu amigo betas - Spectro - 13-11-2013

Deixa os caras viverem a vida deles,
Preocupe se com a sua vida,
Pare de limitar o homem em beta e alpha, somos muito mais complexos que isso.
Você não participa da relação de nenhum desses caras pra chegar dando pitaco, não julgue sem conhecer.

Se algum deles se ferrar e vier pedir ajuda, ai vc mete a real.


RE: Dois casos distintos: Meu irmão e meu amigo betas - Tim Laflour - 13-11-2013

Realmente, tentar enfiar a Real goela abaixo dos dois é pedir briga. O caso do seu amigo é um belo exemplo de como a teoria e a prática são coisas distintas: a teoria se absorve razoavelmente rápido, mas a prática é muito mais difícil.


RE: Dois casos distintos: Meu irmão e meu amigo betas - Winchester - 13-11-2013

Por isso eu acho que ''se foder'' é primordial para que se absorva a Real, claro que há excessões, mas quando o cara se dá mau ele fica mais aberto a absorver esses ensinamento e aplicá-los, eu não acredito que o seu irmão mude de atitude só pelo fato de você dar um toque nele, é mais facil ele brigar com você, pois ele nem percebe que está sendo capacho, pra ele a vida perfeita é essa, deixe-o viver a vida dele e caso ele precise, esteja pronto pra ajudá-lo.

.


RE: Dois casos distintos: Meu irmão e meu amigo betas - Meroplâncton - 13-11-2013

Deixa ele se foder, vir falar contigo, aí apresenta a Real. Não adianta apresentar agora que será tirado de lunático revoltado.


RE: Dois casos distintos: Meu irmão e meu amigo betas - Gustavo Felicio - 13-11-2013

(13-11-2013, 12:45 PM)Tim Laflour Escreveu: Realmente, tentar enfiar a Real goela abaixo dos dois é pedir briga. O caso do seu amigo é um belo exemplo de como a teoria e a prática são coisas distintas: a teoria se absorve razoavelmente rápido, mas a prática é muito mais difícil.

Isso é fato, na teoria é facil, quando se é um betinha pega ninguem fica facil dizer que é desapegado, que mulher não é principal, e que é o pica fodão da real super modafoca, mas quando leva um chazinho de buça, treme a base e não tem estrutura pra aplicar o que ele sabe na "teoria".


RE: Dois casos distintos: Meu irmão e meu amigo betas - Peter Grifen - 13-11-2013

q isso , é irmao do cara entao ele quer o bem dele

ja o amigo deixa quieto, kkk


RE: Dois casos distintos: Meu irmão e meu amigo betas - Mister.M - 13-11-2013

Presenciei uma situacao essa semana e aproveitei a oportunidade para apresentar a real para um colega. Estou montando uma imobiliaria com outros dois amigos e chamamos esse outro colega para colocar drywall na sala.

Durante o dia combinamos de ir jogar boliche a noite. No fim de tarde paramos os trabalhos, estavamos conversando, rindo, ouvindo musica, eis que a mulher do cara liga.

Nesse mesmo momento ja percebi que as bolas do sujeito cairam. Ele comecou a se explicar, dar desculpas para a mulher, ela ouviu a musica e achou que tinha mulher junto, o c cara botou o telefone na musica para "provar" que era o radio, saiu da sala e ficou uns 15 minutos discutindo.

O cara voltou para sala nervoso, quebrou o telefone e quase tretou com um amigo que fez piada e riu da cara de bosta dele. Ele foi embora e nao saiu a noite conosco.

O cara foi desmoralizado, meus amigos ddbocharam ate nao querer mais, a pose de pegador que ele fazia e continua fazendo so e motivo para mais piadas, enfim, perdeu o respeito.

Eu peguei o email dele e mandei alguns textos e o canal do bufalo, disse apenas para que a leitura pode lhe fazer. Agora cabe a ele querer mudar e melhorar, nao vou ficar gastando saliva para tentar ajudar, a chance de eu ficar de ruim na historia toda e muito grande.


RE: Dois casos distintos: Meu irmão e meu amigo betas - Rider - 14-11-2013

(13-11-2013, 11:18 AM)Jef Escreveu: É, acordei meio revoltado hj. Mas creio que as minhas ideias ficaram claras no topico. Há homens que simplesmente nao tiveram a "sorte" de conhecer a real, mas há tb os que chegam a não merecer conhece-la. A tendencia desses dois casos é os dois se foderem no futuro. E creio que há milhares de casos parecidos com esses por ai.

Eu estou quase dividindo a Humanidade em 80-20.

80% são casos perdidos em diversos aspectos da vida, 20% conseguirão mudar e se sobressair.

80% das homens JAMAIS conseguirão absorver a Real na sua integridade, 20% serão os exemplos que os demais jamais alcançarão.

Entre eles - claro - uma camada de esforçados e caras que absorverão somente parte da Real - e assim melhorarão um pouco.

É a mesma regra de Pareto que é usada em gestão de materiais. Ainda vou escrever um texto sobre isso.

Mas percebam que essa divisão se aplica a quase tudo na nossa vida [infelizmente].


RE: Dois casos distintos: Meu irmão e meu amigo betas - Appollo - 14-11-2013

(13-11-2013, 12:32 PM)Spectro Escreveu: Deixa os caras viverem a vida deles,
Preocupe se com a sua vida,
Pare de limitar o homem em beta e alpha, somos muito mais complexos que isso.
Você não participa da relação de nenhum desses caras pra chegar dando pitaco, não julgue sem conhecer.

Se algum deles se ferrar e vier pedir ajuda, ai vc mete a real.

Concordo com você, está mais para uma relação ativo/passivo do que para alfa/beta.

Eu não ajudo ninguém que não quer ser ajudado. É como aquele ditado popular "Se conselho fosse bom não se dava, se vendia", só depois de o sujeito passar pela dor e sofrimento que uma brecha abre para ele escutar a filosofia da real, quando estamos presos a matrix, não há nenhuma brecha aberta pois o sujeito está tão iludido, que ele se sente invunerável, mas sabemos que éo oposto.

Só uma desilusão forte o suficente é capaz de nos tirar do transe da matrix, do encantamento do feitiço, de fazer nos sentir os efeitos colaterais do veneno que embriaga., que extirpa nossa energia.

Um ciclo vicioso de paixões e dores esfolam a alma do homem apaixonado, feliz é o homem que rompe o laços que o prendem, que quebranta o ciclo, pois esse está um passo de descobrir a filosofia da real.


RE: Dois casos distintos: Meu irmão e meu amigo betas - Daniel Craig - 14-11-2013

Tente se ajudar, eu já havia um conhecimento pequeno da Real, conheci quando estava namorando, mas quem disse que isso me impediu de fazer merda atrás de merda? Nós só aprendemos nos fudendo parceiro, só aprendemos quando estamos na merda! Lia um Blog de um rapaz que falava bastante de N.A... Mas eu só fui QUERER, veja bem, QUERER mudar quando estava na pior! Abs Confrade! Força e Honra!!!


RE: Dois casos distintos: Meu irmão e meu amigo betas - Tiago Sorine - 15-11-2013

O cara se foder, é essencial para ele aceitar a Real e nascer de novo!!


Dois casos distintos: Meu irmão e meu amigo betas - Daniel Craig - 15-11-2013

Só se vendo na pior, ele irá se apegar alguma coisa, vai começar pesquisar, sites PUA, e o caralho a 4... Mas aí sim você tem que entrar, mostrar a REAL pra ele! E pra sair da situação desesperadora que ele estará passando no momento, o cara vai se amarrar nisso! Aí sim, ele estará no caminho certo!!!


Enviado do meu iPhone usando o Tapatalk