PROPAGANDA


Responder 
 
Avaliação do Tópico:
  • 0 Votos - 0 Média
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
A farsa do aquecimento global
Jovem Inexperiente Offline
Aspira
*

Respostas: 3
Registrado em: Dec 2016
Resposta: #1
A farsa do aquecimento global




Tese de bacharelado acerca do assunto:

Spoiler
http://lcb.fflch.usp.br/sites/lcb.fflch.usp.br/files/upload/paginas/A01-TGI-GuilhermePolli.pdf

Alguns pontos levantados são:

Spoiler
- O dióxido de carbono (CO²) compõe cerca de 0,033% da atmosfera terrestre. Sendo a participação antropogênica muito pequena em relação aos processos naturais, alguns cientistas céticos afirmam que ainda que a concentração fosse duas vezes maior, o impacto na temperatura global seria mínimo.

- O posicionamento das estações meteorológicas não é eficiente, sendo 90% destes localizados nos continentes, enquanto a superfície da Terra é formada por oceanos em cerca de 75%. Ainda, tais estações estão perto de cidades, que por conta da urbanização, sofrem de um efeito chamado de "ilhas de calor".

- Apesar do alarde criado em torno do gás clorofluorcarbono (CFC), e a suposta destruição da camada de ozônio, é desconsiderado que os maiores emissores de cloro são os vulcões. Temos como exemplo o monte Erebus, que sozinho, emite cerca de 60 vezes mais cloro do que o liberado pelas atividades humanas.

- Os oceanos são enormes reservatórios naturais de CO², além de efetuarem gigantescas trocas de energia e massa com a atmosfera. Estes distribuem cerca de 50% da energia do planeta e 85% da água na atmosfera. Há também um grande atraso na mudança das temperaturas oceânicas conforme fatores como calor, luz, gases dissolvidos, salinidade e pressão.


Seria esta mais uma matrix onde estamos mergulhados?

É muito interessante aos países desenvolvidos limitar a emissão de gases na atmosfera pelos países subdesenvolvidos, visto que isso freia o crescimento, ao mesmo tempo em que fazem a compra dos mesmos títulos que vendem, os créditos de carbono.

Além disso, há de se levar em conta que as fontes energéticas renováveis têm suas patentes registradas pelos mesmos países desenvolvidos, e que a adoção por outros países tem um grande custo financeiro, assim como acontece aqui no Brasil, por exemplo.

Pessoalmente, parece que é um grande sistema onde o objetivo é o incentivo ao consumismo. Temos de abandonar tecnologias funcionais e baratas, para adotar outras mais caras, supostamente ecologicamente corretas. Um exemplo de como isso afeta o cidadão, é a vistoria de carros, que visa encaixar os veículos em padrões sem embasamento nenhum, apenas para forçar o consumidor a adquirir produtos e serviços regulados pelo Estado.

"A fé na vitória tem que ser inabalável"
12-01-2017 05:16 PM
Encontrar todas as respostas deste usuário Citar esta mensagem em uma resposta
Rustu Reçber Offline
Búfalo
**

Respostas: 102
Registrado em: Aug 2015
Resposta: #2
RE: A farsa do aquecimento global
Uma coisa que eu tenho notado é que a mídia está trocando o termo "Aquecimento Global",por "mudanças climáticas".

Salmos 23

[Imagem: 180px-Escudo_chape2016.svg.png]
Ontem 03:08 AM
Encontrar todas as respostas deste usuário Citar esta mensagem em uma resposta
canislupus Offline
Búfalo
**

Respostas: 772
Registrado em: Aug 2012
Resposta: #3
RE: A farsa do aquecimento global
Conheço pessoas formadas na area de meio ambiente, ate elas dizem que aquecimento global é uma farsa, alias existe porque se nao existisse a gente nao sobreviveria rs. A culpa tambem é em boa parte dos jornalistas , costumam aumentar as noticias e sao muito ignorantes. Eles falam de tudo mas nao tem conhcimento profundo de nada.

E sem querer ser chato, mas "tese" de bacharelado nao existe. Com excessao de medicina e direito.
(Resposta editada pela última vez em: Ontem 05:07 AM por canislupus.)
Ontem 05:02 AM
Encontrar todas as respostas deste usuário Citar esta mensagem em uma resposta
Hiroshi Offline
Veterano
***

Respostas: 476
Registrado em: Feb 2014
Resposta: #4
RE: A farsa do aquecimento global
Pra mim, o "aquecimento global" é uma ferramenta de controle de um governo supranacional, bem como a ONU e a OMS. Todos esses órgãos seguem uma política "progressista" e tem o dedo do George Soros e outros magnatas.

Apesar de parecer teoria da conspiração a primeira vista, quando se observa mais profundamente a geopolítica em que esses órgãos são ligados, tudo começa a fazer sentido.

Devido as pesquisas que provam o aquecimento global, os países fazem tratados que vão comprometer diretamente sua economia. O problema é que essas pesquisas "científicas" não tem o embasamento necessário para concluir as consequências climáticas no médio e longo prazo.
E principalmente, a população dos países envolvidos no tratado não tem poder nenhum para aceitar ou recusar esses tratados climáticos, e nem sabem quem exatamente os definiu!

"Se você se ofende com qualquer palavra em qualquer língua, é provável que seus pais não foram capazes de criar um filho!" - Doug Stanhope
Ontem 05:04 PM
Encontrar todas as respostas deste usuário Citar esta mensagem em uma resposta
Responder 


Ir ao Fórum:


Usuários visualizando este tópico: 1 Visitantes