PROPAGANDA


Forum Affiliates

Olá, Visitante
Olá Visitante!
Para participar do fórum, é necessário se Registrar.



  

Senha
  





Pesquisar

(Pesquisa Avançada)

Tópicos Recentes
Eleições presidenciais 20...
Última Resposta por: Vinizera
Hoje 11:32 PM
» Respostas: 204
» Visualizações: 9711
Poder de Barganha, Matrix...
Última Resposta por: Marko Avila
Hoje 11:30 PM
» Respostas: 48
» Visualizações: 2482
Postem notícias aqui
Última Resposta por: Oliver Queen
Hoje 11:30 PM
» Respostas: 38
» Visualizações: 1247
Armas de fogo
Última Resposta por: Thanatos
Hoje 11:19 PM
» Respostas: 173
» Visualizações: 33859
Hobby de cabra macho.
Última Resposta por: Appollo
Hoje 11:16 PM
» Respostas: 15
» Visualizações: 315
TERMO DESRESPEITOSO - E....
Última Resposta por: Oliver Queen
Hoje 10:40 PM
» Respostas: 87
» Visualizações: 1842
[FIXO] Garotas de Program...
Última Resposta por: Aquiles
Hoje 10:05 PM
» Respostas: 220
» Visualizações: 103614
Ex catador conta como vir...
Última Resposta por: Don Welzo
Hoje 10:00 PM
» Respostas: 9
» Visualizações: 489
Desenvolvimento Pessoal: ...
Última Resposta por: Aquiles
Hoje 01:55 PM
» Respostas: 18
» Visualizações: 1440
Deletar o facebook.
Última Resposta por: Vinizera
Hoje 01:26 PM
» Respostas: 47
» Visualizações: 2807

Responder 
 
Avaliação do Tópico:
  • 0 Votos - 0 Média
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Entrevista com o líder do PCC, Marcola
Autor Mensagem
Unknown Offline
you never find us

Respostas: 762
Registrado em: Aug 2013
Resposta: #1
Entrevista com o líder do PCC, Marcola
Infelizmente não pude encontrar o link original ou fonte confiável, inclusive alguns blogs especulam que teria sido uma entrevista simulada por Arnaldo Jabor dando as respostas.

Mas só vi verdades.

Jornal: O GLOBO
Editoria: Segundo Caderno
Edição: 1, Página: 8

[Imagem: marcola.jpg]

23/05/2006

Estamos todos no inferno. Não há solução, pois não conhecemos nem o problema

O GLOBO: Você é do PCC?

- Mais que isso, eu sou um sinal de novos tempos. Eu era pobre e invisível… vocês nunca me olharam durante décadas… E antigamente era mole resolver o problema da miséria… O diagnóstico era óbvio: migração rural, desnível de renda, poucas favelas, ralas periferias… A solução é que nunca vinha… Que fizeram? Nada. O governo federal alguma vez alocou uma verba para nós? Nós só aparecíamos nos desabamentos no morro ou nas músicas românticas sobre a “beleza dos morros ao amanhecer”, essas coisas… Agora, estamos ricos com a multinacional do pó. E vocês estão morrendo de medo… Nós somos o início tardio de vossa consciência social…

Viu? Sou culto… Leio Dante na prisão…

O GLOBO: – Mas… a solução seria…

- Solução? Não há mais solução, cara… A própria idéia de “solução” já é um erro. Já olhou o tamanho das 560 favelas do Rio? Já andou de helicóptero por cima da periferia de São Paulo? Solução como? Só viria com muitos bilhões de dólares gastos organizadamente, com um governante de alto nível, uma imensa vontade política, crescimento econômico, revolução na educação, urbanização geral; e tudo teria de ser sob a batuta quase que de uma “tirania esclarecida”, que pulasse por cima da paralisia burocrática secular, que passasse por cima do Legislativo cúmplice (Ou você acha que os 287 sanguessugas vão agir? Se bobear, vão roubar até o PCC…) e do Judiciário, que impede punições. Teria de haver uma reforma radical do processo penal do país, teria de haver comunicação e inteligência entre polícias municipais, estaduais e federais (nós fazemos até conference calls entre presídios…). E tudo isso custaria bilhões de dólares e implicaria numa mudança psicossocial profunda na estrutura política do país. Ou seja: é impossível. Não há solução.

O GLOBO: – Você não têm medo de morrer?

- Vocês é que têm medo de morrer, eu não. Aliás, aqui na cadeia vocês não podem entrar e me matar… mas eu posso mandar matar vocês lá fora…. Nós somos homens-bomba. Na favela tem cem mil homens-bomba… Estamos no centro do Insolúvel, mesmo… Vocês no bem e eu no mal e, no meio, a fronteira da morte, a única fronteira. Já somos uma outra espécie, já somos outros bichos, diferentes de vocês. A morte para vocês é um drama cristão numa cama, no ataque do coração… A morte para nós é o presunto diário, desovado numa vala… Vocês intelectuais não falavam em luta de classes, em “seja marginal, seja herói”? Pois é: chegamos, somos nós! Ha, ha… Vocês nunca esperavam esses guerreiros do pó, né? Eu sou inteligente. Eu leio, li 3.000 livros e leio Dante… mas meus soldados todos são estranhas anomalias do desenvolvimento torto desse país. Não há mais proletários, ou infelizes ou explorados. Há uma terceira coisa crescendo aí fora, cultivado na lama, se educando no absoluto analfabetismo, se diplomando nas cadeias, como um monstro Alien escondido nas brechas da cidade. Já surgiu uma nova linguagem.Vocês não ouvem as gravações feitas “com autorização da Justiça”? Pois é. É outra língua. Estamos diante de uma espécie de pós-miséria. Isso. A pós-miséria gera uma nova cultura assassina, ajudada pela tecnologia, satélites, celulares, internet, armas modernas. É a merda com chips, com megabytes. Meus comandados são uma mutação da espécie social, são fungos de um grande erro sujo.

O GLOBO: – O que mudou nas periferias?

- Grana. A gente hoje tem. Você acha que quem tem US$40 milhões como o Beira-Mar não manda? Com 40 milhões a prisão é um hotel, um escritório… Qual a polícia que vai queimar essa mina de ouro, tá ligado? Nós somos uma empresa moderna, rica. Se funcionário vacila, é despedido e jogado no “microondas”… ha, ha… Vocês são o Estado quebrado, dominado por incompetentes. Nós temos métodos ágeis de gestão. Vocês são lentos e burocráticos. Nós lutamos em terreno próprio. Vocês, em terra estranha. Nós não tememos a morte. Vocês morrem de medo. Nós somos bem armados. Vocês vão de três-oitão. Nós estamos no ataque. Vocês, na defesa. Vocês têm mania de humanismo. Nós somos cruéis, sem piedade. Vocês nos transformam em superstars do crime. Nós fazemos vocês de palhaços. Nós somos ajudados pela população das favelas, por medo ou por amor. Vocês são odiados. Vocês são regionais, provincianos. Nossas armas e produto vêm de fora, somos globais. Nós não esquecemos de vocês, são nossos fregueses. Vocês nos esquecem assim que passa o surto de violência.

O GLOBO: – Mas o que devemos fazer?

- Vou dar um toque, mesmo contra mim. Peguem os barões do pó! Tem deputado, senador, tem generais, tem até ex-presidentes do Paraguai nas paradas de cocaína e armas. Mas quem vai fazer isso? O Exército? Com que grana? Não tem dinheiro nem para o rancho dos recrutas… O país está quebrado, sustentando um Estado morto a juros de 20% ao ano, e o Lula ainda aumenta os gastos públicos, empregando 40 mil picaretas. O Exército vai lutar contra o PCC e o CV? Estou lendo o Klausewitz, “Sobre a guerra”. Não há perspectiva de êxito… Nós somos formigas devoradoras, escondidas nas brechas… A gente já tem até foguete anti-tanques… Se bobear, vão rolar uns Stingers aí… Pra acabar com a gente, só jogando bomba atômica nas favelas… Aliás, a gente acaba arranjando também “umazinha”, daquelas bombas sujas mesmo. Já pensou? Ipanema radioativa?

O GLOBO: – Mas… não haveria solução?

- Vocês só podem chegar a algum sucesso se desistirem de defender a “normalidade”. Não há mais normalidade alguma. Vocês precisam fazer uma autocrítica da própria incompetência. Mas vou ser franco…na boa… na moral… Estamos todos no centro do Insolúvel. Só que nós vivemos dele e vocês… não têm saída. Só a merda. E nós já trabalhamos dentro dela. Olha aqui, mano, não há solução. Sabem por quê? Porque vocês não entendem nem a extensão do problema. Como escreveu o divino Dante: “Lasciate ogna speranza voi cheentrate!” Percam todas as esperanças. Estamos todos no inferno.
(Resposta editada pela última vez em: 09-24-2013 11:41 PM por Unknown.)
09-24-2013 11:30 PM
Encontrar todas as respostas deste usuário Citar esta mensagem em uma resposta
Tiago Sorine Offline
Beta Esclarecido
**

Respostas: 4,307
Registrado em: Jul 2012
Resposta: #2
RE: Entrevista com o líder do PCC, Marcola
Tbm nunca achei fonte confiável falando que era do Jabor. Parece que não é do Marcola mesmo. Mas sendo ou não sendo, não deixa de ser verdadeiro as coisas que foram ditas!

A Real e o Perdão

"Pelo perdão, me livrei do fardo de permanecer uma vítima para sempre, e me libertei para poder apreciar a minha vida."

Aprenda uma coisa sobre nós realistas: Nós vivemos nas sombras!
09-24-2013 11:35 PM
Encontrar todas as respostas deste usuário Citar esta mensagem em uma resposta
Andrew Offline
Búfalo
*

Respostas: 286
Registrado em: Jun 2013
Resposta: #3
RE: Entrevista com o líder do PCC, Marcola
Essa entrevista é verídica. Aconteceu!

Depois dessa entrevista. O secretário de segurança queria que fizessem uma varredura na prisão e tirassem todos os livros dos presos.

Foi foda. Eles algemavam os caras nas grades e tiravam todos os livros que encontravam. Os presidiários ficavam gritando. "Não tira a porra do meu livro!" - "Não toca nos livros!"

“É uma distância a percorrer… da boca de uma mulher para os ouvidos de um homem.” - Spartacus
09-24-2013 11:40 PM
Encontrar todas as respostas deste usuário Citar esta mensagem em uma resposta
Justus Offline
Usuário Banido

Respostas: 209
Registrado em: Aug 2013
Resposta: #4
RE: Entrevista com o líder do PCC, Marcola
o ditado de todo bandido é:

viver pouco como um rei, ou muito como um zé ?
09-24-2013 11:53 PM
Encontrar todas as respostas deste usuário Citar esta mensagem em uma resposta
Demolidor Offline
Búfalo
*

Respostas: 217
Registrado em: Aug 2012
Resposta: #5
RE: Entrevista com o líder do PCC, Marcola
Fake.
09-25-2013 12:40 AM
Encontrar todas as respostas deste usuário Citar esta mensagem em uma resposta
Solomon Offline
Búfalo
*

Respostas: 392
Registrado em: Aug 2013
Resposta: #6
RE: Entrevista com o líder do PCC, Marcola
Isso é antigão, Fake Brother.

Onde todos pensam do mesmo jeito, ninguém pensa muito.


https://www.facebook.com/solomon.kane.77964
09-25-2013 12:42 AM
Encontrar todas as respostas deste usuário Citar esta mensagem em uma resposta
Unknown Offline
you never find us

Respostas: 762
Registrado em: Aug 2013
Resposta: #7
RE: Entrevista com o líder do PCC, Marcola
Independente se for falso e antigo, o que diz ai é a realidade....

Principalmente pela parte da solução...

Solução como? Só viria com muitos bilhões de dólares gastos organizadamente, com um governante de alto nível, uma imensa vontade política, crescimento econômico, revolução na educação, urbanização geral; e tudo teria de ser sob a batuta quase que de uma “tirania esclarecida”, que pulasse por cima da paralisia burocrática secular, que passasse por cima do Legislativo cúmplice (Ou você acha que os 287 sanguessugas vão agir? Se bobear, vão roubar até o PCC…) e do Judiciário, que impede punições. Teria de haver uma reforma radical do processo penal do país, teria de haver comunicação e inteligência entre polícias municipais, estaduais e federais (nós fazemos até conference calls entre presídios…). E tudo isso custaria bilhões de dólares e implicaria numa mudança psicossocial profunda na estrutura política do país. Ou seja: é impossível. Não há solução.
(Resposta editada pela última vez em: 09-25-2013 12:48 AM por Unknown.)
09-25-2013 12:48 AM
Encontrar todas as respostas deste usuário Citar esta mensagem em uma resposta
Solomon Offline
Búfalo
*

Respostas: 392
Registrado em: Aug 2013
Resposta: #8
RE: Entrevista com o líder do PCC, Marcola
(09-25-2013 12:48 AM)John Reese Escreveu:  Independente se for falso e antigo, o que diz ai é a realidade....

Principalmente pela parte da solução...

Solução como? Só viria com muitos bilhões de dólares gastos organizadamente, com um governante de alto nível, uma imensa vontade política, crescimento econômico, revolução na educação, urbanização geral; e tudo teria de ser sob a batuta quase que de uma “tirania esclarecida”, que pulasse por cima da paralisia burocrática secular, que passasse por cima do Legislativo cúmplice (Ou você acha que os 287 sanguessugas vão agir? Se bobear, vão roubar até o PCC…) e do Judiciário, que impede punições. Teria de haver uma reforma radical do processo penal do país, teria de haver comunicação e inteligência entre polícias municipais, estaduais e federais (nós fazemos até conference calls entre presídios…). E tudo isso custaria bilhões de dólares e implicaria numa mudança psicossocial profunda na estrutura política do país. Ou seja: é impossível. Não há solução.


Só mudando de assunto, no Brasil teria que mudar tudo, deveríamos ter cadeia parecida com a China ou Japão, Politico corrupto é chumbo, pena de morte ou prisão perpétua com trabalhos forçados,diminuição de maioridade penal.

Onde todos pensam do mesmo jeito, ninguém pensa muito.


https://www.facebook.com/solomon.kane.77964
09-25-2013 01:06 AM
Encontrar todas as respostas deste usuário Citar esta mensagem em uma resposta
Solomon Offline
Búfalo
*

Respostas: 392
Registrado em: Aug 2013
Resposta: #9
RE: Entrevista com o líder do PCC, Marcola
A filosofia que dirige o sistema carcerário japonês é diferente da que rege todos os outros presídios ocidentais, que tentam reeducar o preso para que ele se reintegre a Sociedade. O objetivo, no Japão, é levar o condenado ao arrependimento. Como errou, não é mais uma pessoa honrada e precisa pagar por isso.
“Além de dar o devido castigo em nome das vítimas, o período de permanência na prisão serve como um momento de reflexão no qual induzimos o preso ao arrependimento”,
explica Yutaka Nagashima,diretor do Instituto de Pesquisa da Criminalidade do Ministério da Justiça.

Os métodos para isso são duros para olhos ocidentais, mas em nada lembram os presídios brasileiros, famosos pela superlotação, formação de quadrilhas, violência interna e até abusos sexuais.

organização e limpeza imperam.

detentos têm espaço de sobra.

Ficam no máximo seis por cela.

Estrangeiros têm um quarto individual.

Ninguém fica sem trabalhar e não tem tempo livre para arquitetar fugas.

O dia do preso japonês começa às 6h50min.

O preso volta à cela e fica ali até 17h25min, quando sai para o jantar.

Às 8h tem que retornar ao quarto, de onde só sairá no dia seguinte.

Banhos não fazem parte da programação diária.

No verão eles acontecem duas vezes por semana.

No inverno apenas um a cada sete dias.

“Não pode ser diferente porque faltam funcionários. Mas damos toalhas molhadas para eles limparem o corpo”
justifica-se Yoshihito Sato, especialista em segurança do Departamento de Correção do Ministério da Justiça.

Apesar das reclamações, quem vêm do exterior, recebem um tratamento melhor que os japoneses:
Além do quarto individual, ganham cama e um aparelho de televisão onde passam aulas de japonês.
A comida é diferenciada. Não é servido nada que desagrade religiosamente qualquer crença de um povo. Para os arianos, por exemplo, não é oferecida carne bovina.

O Japão não aceita acordos de extradição.
Afinal, como causou sofrimento à população, o criminoso tem que pagar por isso no Japão mesmo.

Logo ao chegar à penitenciária, os presos recebem uma rígida lista do que poderão ou não fazer:

Olhar nos olhos de um policial, por exemplo, é absolutamente proibido.

Cigarro não é permitido em hipótese alguma.

Na hora da refeição o detento deve ficar de olhos fechados até que receba um sinal para abri-los.

Qualquer transgressão a uma das determinações e o detento termina numa cela isolada. Apesar de oferecer tudo o que teria num quarto normal (privada, pia e cobertor), ela tem pouca iluminação. Se houver reincidência na falha, será punido com algemas de couro, que imobilizam os braços nas costas.

Sem a ajuda das mãos, o preso tem que comer como se fosse um cachorro. Também tem dificuldades para fazer as necessidades fisiológicas.

Assim, conhecido o caso japonês, é interessante ver que nenhuma ou quase nenhuma “Ong” de direitos humanos interfere no sistema

Onde todos pensam do mesmo jeito, ninguém pensa muito.


https://www.facebook.com/solomon.kane.77964
09-25-2013 01:07 AM
Encontrar todas as respostas deste usuário Citar esta mensagem em uma resposta
J. Martins Offline
Búfalo
*

Respostas: 231
Registrado em: Apr 2013
Resposta: #10
RE: Entrevista com o líder do PCC, Marcola
Essa realmente é fake , porém quando vi fiquei bastante espantado com a possível astúcia desse cara , tanto que fui atrás e acabei encontrando e baixando um PDF de uma entrevista que ele fez para uma CPI ( creio que a do narcotráfico) com varias perguntas da bancada e ele respondendo tudo na lata , inclusive a parte em que diz que o livro preferido dele é Assim falava Zaratustra(Nietzsche) e explicando o porquê de não ter curtido o livro O príncipe(Maquiavel), é interessante , ele é sagaz.

" 'Dá-me tua pequena verdade, mulher ! ' - eu
disse . E a pequena velha mulher falou assim:
'Frequentas as mulheres? Não te esqueças do
açoite!' Assim falava Zaratustra . " ( Nietzsche)
09-25-2013 01:09 AM
Encontrar todas as respostas deste usuário Citar esta mensagem em uma resposta
Gustavo Felicio Offline
Búfalo
*

Respostas: 501
Registrado em: Sep 2013
Resposta: #11
RE: Entrevista com o líder do PCC, Marcola
Marcola é um cara muito inteligente e astuto, mas acho que essa entrevista é fake, ou foi bastante modificada, mas nela so tem verdades.

"Não existe almoço grátis"
09-25-2013 01:29 PM
Encontrar todas as respostas deste usuário Citar esta mensagem em uma resposta
Abreu Offline
Búfalo
*

Respostas: 943
Registrado em: Jan 2013
Resposta: #12
RE: Entrevista com o líder do PCC, Marcola
Sendo fake ou nao confrades eu vim da favela cila em pirituba, esses caras eles vinham dando presentes e prometendo fundos eo mundo a jovens e criancas vc acha que iria acontecer o que?
Sim, nas familias esquecidas das periferias, existe fome, vcs acham que tipo de governo manda por la? O que esse c,ara falou e verdade ele usa a estrategia da fidelizacao da guerra. (cuide da minha familia que serei seu escudo).
Uma sub populacao, uma sub educacao onde o mais forte vive. A lei do cao.
Olhem um comeco que nossos governantes deveriam iniciar seria acabar com esses intelectutoides imbecis e acabar com os direitos humanos pois os executores da Lei nao podem exercer sua devida funcao por causa desta porra.
E falo para vcs a coisa esta bem pior do que expos ai eu garanto.
09-25-2013 01:43 PM
Encontrar todas as respostas deste usuário Citar esta mensagem em uma resposta
Homem Sem Medo Offline
Veterano
**

Respostas: 1,749
Registrado em: Aug 2012
Resposta: #13
RE: Entrevista com o líder do PCC, Marcola
(09-24-2013 11:40 PM)Andrew Escreveu:  Essa entrevista é verídica. Aconteceu!

Depois dessa entrevista. O secretário de segurança queria que fizessem uma varredura na prisão e tirassem todos os livros dos presos.

Foi foda. Eles algemavam os caras nas grades e tiravam todos os livros que encontravam. Os presidiários ficavam gritando. "Não tira a porra do meu livro!" - "Não toca nos livros!"

Tem alguma fonte confrade?

Hey you
Don't tell me there's no hope at all
Together we stand, divided we fall

Pink Floyd - Hey You
09-25-2013 01:43 PM
Encontrar todas as respostas deste usuário Citar esta mensagem em uma resposta
aquelecara Offline
Búfalo
*

Respostas: 130
Registrado em: Dec 2012
Resposta: #14
RE: Entrevista com o líder do PCC, Marcola
(09-25-2013 01:29 PM)Gustavo Felicio Escreveu:  Marcola é um cara muito inteligente e astuto

Se fosse inteligente ele não estaria vivendo em um cubículo sem liberdade e privacidade. Ele é um idiota atrás de dinheiro fácil, e pior, as custas do sofrimento alheio.


Reese, o problema é o retorno do cara para a sociede. É a reincidência criminal que lota nossos presídios.
09-25-2013 01:57 PM
Encontrar todas as respostas deste usuário Citar esta mensagem em uma resposta
Gustavo Felicio Offline
Búfalo
*

Respostas: 501
Registrado em: Sep 2013
Resposta: #15
RE: Entrevista com o líder do PCC, Marcola
(09-25-2013 01:43 PM)Abreu Escreveu:  Sendo fake ou nao confrades eu vim da favela cila em pirituba, esses caras eles vinham dando presentes e prometendo fundos eo mundo a jovens e criancas vc acha que iria acontecer o que?
Sim, nas familias esquecidas das periferias, existe fome, vcs acham que tipo de governo manda por la? O que esse c,ara falou e verdade ele usa a estrategia da fidelizacao da guerra. (cuide da minha familia que serei seu escudo).
Uma sub populacao, uma sub educacao onde o mais forte vive. A lei do cao.
Olhem um comeco que nossos governantes deveriam iniciar seria acabar com esses intelectutoides imbecis e acabar com os direitos humanos pois os executores da Lei nao podem exercer sua devida funcao por causa desta porra.
E falo para vcs a coisa esta bem pior do que expos ai eu garanto.


Verdade Abreu, quem veio do gueto sabe que a coisa é bem maior do que aparece na tv, que a maioria das vezes se confia muito mais no dono da boca, do que na justiça.
O Chefe do crime ta ali no meio do povo, do lado ta acessivel, ele resolve seu problema, senta com vc no boteco e toma uma cerveja, te oferece uma opção de carreira pra ganhar um salario que em lugar nenhum vc ganharia, proteção pra sua familia.

Assumem o lugar que deveria ser do poder publico. e são vistos como Deuses.

"Não existe almoço grátis"
09-25-2013 01:59 PM
Encontrar todas as respostas deste usuário Citar esta mensagem em uma resposta
Abreu Offline
Búfalo
*

Respostas: 943
Registrado em: Jan 2013
Resposta: #16
RE: Entrevista com o líder do PCC, Marcola




confrades tirem suas conclusoes
09-25-2013 02:13 PM
Encontrar todas as respostas deste usuário Citar esta mensagem em uma resposta
Abreu Offline
Búfalo
*

Respostas: 943
Registrado em: Jan 2013
Resposta: #17
RE: Entrevista com o líder do PCC, Marcola
[[/quote]youtube]http:// http://m.youtube.com/watch?v=TP7JO0o8Kls
confrades tirem suas conclusoes[quote]
09-25-2013 02:16 PM
Encontrar todas as respostas deste usuário Citar esta mensagem em uma resposta
barãozin Offline
Que delícia, cara!
****

Respostas: 5,952
Registrado em: Oct 2011
Resposta: #18
RE: Entrevista com o líder do PCC, Marcola
Sempre quando tem o Arnaldo Jabor no meio a notícia é fake rs

Caraco, o coitado tem o nome mais gasto q buceta de puta de trashão.

Participem do SKYPE DO BÚFALO! Informações aqui.

«È questo il fiore del partigiano»
o bella, ciao! bella, ciao! bella, ciao, ciao, ciao!
«È questo il fiore del partigiano»
morto per la libertà!


Acessem o Canal do Búfalo
Siga nosso twitter viril
Grupo no Youtube
Curta no Facebook
Ask.fm virilzão
09-25-2013 02:20 PM
Visitar o website do usuário Encontrar todas as respostas deste usuário Citar esta mensagem em uma resposta
Unknown Offline
you never find us

Respostas: 762
Registrado em: Aug 2013
Resposta: #19
RE: Entrevista com o líder do PCC, Marcola
(09-25-2013 02:13 PM)Abreu Escreveu:  



confrades tirem suas conclusoes
09-25-2013 03:42 PM
Encontrar todas as respostas deste usuário Citar esta mensagem em uma resposta
Andrew Offline
Búfalo
*

Respostas: 286
Registrado em: Jun 2013
Resposta: #20
RE: Entrevista com o líder do PCC, Marcola
(09-25-2013 01:43 PM)Homem Sem Medo Escreveu:  
(09-24-2013 11:40 PM)Andrew Escreveu:  Essa entrevista é verídica. Aconteceu!

Depois dessa entrevista. O secretário de segurança queria que fizessem uma varredura na prisão e tirassem todos os livros dos presos.

Foi foda. Eles algemavam os caras nas grades e tiravam todos os livros que encontravam. Os presidiários ficavam gritando. "Não tira a porra do meu livro!" - "Não toca nos livros!"

Tem alguma fonte confrade?

Não tenho fonte. Mas aconteceu essa entrevista. Agora, se não conseguem encontrar em nenhuma mídia. Por que será? Eu lembro dessa reportagem.

O cara se tornou uma ameaça pelo modo mais óbvio. O estudo!

“É uma distância a percorrer… da boca de uma mulher para os ouvidos de um homem.” - Spartacus
09-25-2013 04:23 PM
Encontrar todas as respostas deste usuário Citar esta mensagem em uma resposta
Responder 


Tópicos Similares
Tópico: Autor Respostas Visualizações: Última Resposta
  Líder neo-ateu sem a protecção do politicamente Mats 2 564 08-14-2013 11:11 PM
Última Resposta: Ricardo D

Ir ao Fórum:


Usuários visualizando este tópico: 1 Visitantes